BANG BANG CULTURAL

image

No lançamento do livro, Rio de Letras, depois de uma abertura brilhante do médico Alfredo Gonçalves, ele franqueou a palavra. E numa mesa composta por escritores intelectuais e poetas, pessoas como: Professora Macária Andrade, o escritor Araken Galvão, o senhor Ubiratan Castro presidente da Fundação Pedro Calmon e até mesmo o empresário da educação Dário Loureiro e outros mais. Digam quem foi o primeiro a pegar o microfone e falar? Quem falou o Secretário de Cultura de Valença, acertou. Fiquei besta com a coragem de Edvaldo Borges, que em três minutinhos deu o seu recado, tipo: o prefeito faz, o prefeito tem interesse, o prefeito é o cara. Em seguida a professora Macária Andrade pegou o microfone e mandou alguns recados para o prefeito pelo secretário, infelizmente não vai ser possível lembrar aqui o que a professora falou, mas ela estava indignada com o prefeito que não liga para a cultura em Valença, há algum tempo atrás algumas pessoas foram até o prefeito para discutir e falar sobre a cultura e ele como sempre, faz as suas gracinhas e não dá atenção às pessoas e fica tudo sem solução. A professora falava ao senhor Edvaldo pedindo que ele desse o recado ao prefeito e frisava: “Não se esqueça de dar o recado, palavra por palavra”, logo depois o escritor Araken Aragão pegou o microfone e terminou de pisar na cabeça, torcendo o calcanhar.

A professora Macária ainda fez questão de falar no seu pronunciamento/recado: “Não sou política e não gosto de políticos” e disse mais: “Respeitar a cultura não é do jeito que ele quer”. A professora foi aplaudida de pé pelos presentes, cerca de 600 pessoas, lotando o centro de cultura.

O Secretário de Cultura não deu um pio sequer, a cadeira ficou enorme para ele, e com certeza deve ter pensado: Perdi uma boa oportunidade de ficar calado.

Toma! Estão pensando que é todo lugar que vocês vão poder deitar e rolar? Foi muito bom ver o grupo de Ramiro ser humilhado. Seria melhor se ele (o prefeito) estivesse por lá, mas como existe “bode expiatório”… O pobre do Edvaldo Borges recebeu a saraivada, a rajada da metralhadora cultural, Bang! Bang! Bang! E foi pouco heim!

É dessa violência que nós precisamos.

24 thoughts on “BANG BANG CULTURAL

  • abril 12, 2010 em 3:40 pm
    Permalink

    Percebemos total desequilíbrio por parte do editor deste “blog”, quando relata que não pode colocar as palavras de Profª. Macária, existe um atestado de que é uma “mria que ouve das outras”.Por outro lado fica claro que o editor (Sr. Pelegrini), é anti-social e não possui vestes que o adeque a comparecer a eventos de tal magnitude.

  • abril 12, 2010 em 4:06 pm
    Permalink

    Meu caro Paulo Coelho, que poder de dedução você tem! É verdade que ouvi de alguém isso ai, mas fiquei feliz em saber que ouve isso mesmo, foi muito bom o carão que o Bang tomou para levar ao Ramiro você não acha? Quanto às vestes vou te pedir uma das que o senhor usa para esses eventos, deve ser massa aplaudir Professora Macària dando bronca em um secretário de Ramiro. A próxima não perco, só não quero é levar bronca dela, ainda mais vestido a rigor.

  • abril 12, 2010 em 4:17 pm
    Permalink

    Ohhhh!!! Que grande estupidez do meu colega Paulo Coelho, eu estava lá vestido de bermuda com suspensórios, e vi também o mico que o secretário de cultura passou, não teve nem a humildade de deixar alguém de mais cultura que ele falar primeiro, talvez tenha sido por isso que a professora Macária tenha chamado o secretário pelas orelhas. Amigo Pelegrini, se precisar de alguma roupa passe no meu alfaite particular que mandarei lhe fazer alguns ternos e depois te cobro em picolés…rsrsrs.
    Ao meu colega Paulo Coelho, um alerta: estás a ficar pobre…

  • abril 12, 2010 em 4:31 pm
    Permalink

    valeu pelegrini!!! este paulo coelho deve ser o que administra o falido e acabado teatro de valença,é melhor sr. paulo coelho é melhor vc apanhar as vassouras com BANG sem cultura e limpar aquele cine valença, olha sabe onde fica?… juntinho de LIDIA DO RESTAURANTE.

  • abril 12, 2010 em 4:34 pm
    Permalink

    o prefeito ramiro não tem moral para fazer parte da cultura de valença,unica moral dele é fazer deboches para o povo humildes que não sabe dar as respostas necessarias,eu ja sabia que o BANG ia ser queimado, como o tio gosta de jogar alguém no fogo e ficar dando risadas.

  • abril 12, 2010 em 4:38 pm
    Permalink

    Hoje ouvindo a FM 101,9 ouvir o Dr. Euvaldo farias dar uma no prefeito armengueiro de valença, fiquei alegre porque esperava alguém de valença falar assim tão mal do prefeitinho malvado ramiro campelo, verdade Dr. euvaldo, a policia não faz mais porque o prefeito não ajuda,a cidade esta assim porque o prefeito só esta vendo o bolso dele,mais vejo a cidade melada num verdadeiro plantio de laranjas, a prefeitura esta sendo falida, só vcs da sociedade pode falar muito mais e dar um basta no que esta acontecendo na cidade de valença.

  • abril 12, 2010 em 4:41 pm
    Permalink

    TODAS CIDADE OS PREFEITOS CONSEGUE ALGO, AQUI EM VALENÇA O PREFEITO SÓ FAZ DESTRUIR A CIDADE,MAIS ALGUÉM DIZ QUE É MARTINIANO AGUARDANDO AS OBRAS PARA QUANDO ELE FOR PREFEITO DE VALENÇA.

  • abril 12, 2010 em 5:10 pm
    Permalink

    Caro pelegrini,

    Lendo seu texto com bastante atenção, percebemos graves erros de concocrdância e escrita.Peço-lhe que procure o professor Edvaldo para que este ceda-lhe aulas de português.
    Erros: se falamos de passado, é HOUVE e não OUVE, que é usado para explanar alguém que usou seus timpanos para ouvir algo.
    Quanto ao proximo comentarista, a palavra alfaiate já esta dê modé (fora de moda – pra vc que não sabe), aconselho a comprar o livro de Glória Kalil sobre etiquetas e desde já lhe adianto que para o mundo é Jorge Armani e para o Brasil é Ricardo Almeida (sobre excelência).

    Abraços, um consultor de moda local.

  • abril 12, 2010 em 5:13 pm
    Permalink

    Exclusivo] José Roberto Arruda liberado pelo STJ

    segunda-feira, 12 abril, 2010 às 15:50 em Política.
    O ex-governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda (ex-DEM,sem partido), foi liberado hoje (12), pelo Superior Tribunal de Justiça, que por entender que ele não é considerado mais um risco nas investigações do Mensalão do DEM de Brasília.

    Arruda estava preso desde o dia 11 de fevereiro, por ser suposto acusado de tentar obstruir as investigações da Polícia Federal (PF) sobre o esquema de distribuição de propina a aliados do governo.

    AQUI EM VALENÇA JA CHEIRA A POLICIA FEDERAL FAZER UMA BATIDA NA PREFEITURA,NÃO VAI DEMORAR????AQUI AINDA REINA NA PREFEITURA UM FORTE ESQUEMA NA PREFEITURA DO PFL COM O PT DE MENTIRAS.

  • abril 12, 2010 em 5:25 pm
    Permalink

    Não resta nenhuma dúvida quanto ao descaso de MIRIAN BRUNO DA SILVA com o povo de Umburanas que não lhe outorgou o mandato de Vereadora e, os seus pares, Vereadores que lhe elegeram Presidente da Câmara Municipal, para utilizar-se das prerrogativas da função, durante todo o Exercício de 2009, ausentar-se do Município, fixando residência em Salvador como já vimos, para cursar uma faculdade de Direito no turno da manhã e, comparecendo a esta Cidade só nos dias de Sessão”.

    Continua a fonte: “Já desviada dos seus princípios e ideal, a Jovem Vereadora e Presidente da Câmara de Umburanas parte para a prática de atos de Corrupção e Improbidade Administrativa”.

    .

    Descreve abaixo:
    .

    Segundo consta do Processo de pagamento Nº. 177, Empenho Nº. 136/09, que tem como credor o Senhor ANTONIO JOAQUIM DA SILVA, que “supostamente”, trabalhou como “pedreiro” na “suposta” reforma da Câmara Municipal de Umburanas, portador da RG Nº. 1560498, SSP/BA, o qual no documento aparece com o CPF do Ministério da Fazenda sob Nº. 374.280.635-15, que é da Senhora MARIA SOLIMAR NEIVA DE DEUS que funciona como Contadora da Câmara, não só de Umburanas, como também, da Câmara Municipal do Município de Serrolândia, recebeu em moeda corrente do Brasil a importância de R$ 2.300,00 (DOIS MIL E TREZENTOS REAIS).

    A suposta obra “FANTASMA” de reforma da Câmara de Vereadores de Umburanas teve como empresa fornecedora de material de construção MATHEUS MATERIAIS PARA CONSTRUÇÃO (nome de fantasia), e nome empresarial EVANIO BENICIO DA GAMA, inscrita no CNPJ do Ministério da Fazendo sob Nº. 07.604.594/0001-99, de propriedade do Senhor EVANCIO BENICIO DA GAMA, com endereço a Avenida Severino Ribeiro Granja, 128-A, Térreo, centro, Umburanas, Bahia, CEP. 44.798-000.
    Pela Nota Fiscal Nº. 000156, datada de 22 de junho de 2009, e Empenho Nº. 135/09, a empresa MATHEUS MATERIAIS PARA CONSTRUÇÃO forneceu os seguintes materiais para a suposta reforma da Câmara de Vereadores de Umburanas:

    • Lona preta 50 mts. R$ 2,25 R$ 125,00

    • Prego 15 x 18 05 Kg. R$ 7,00 R$ 35,00

    • Prego 19 x 36 05 Kg. R$ 7,00 R$ 35,00

    • Fio rígido 6mm 100 mts. R$ 160,00 R$ 320,00

    • Telha cerâmica 500 Un. R$ 0,30 R$ 150,00

    • Sapucaia APVAIN 1 mt/3 R$ 1.092,00 R$ 1.092,50

    • Sapucaia caibros 1 mt/3 R$ 1.092,00 R$ 1.092,50

    Total R$ 2.850,00

    .

    Finaliza a fonte: “desta forma a suposta obra, ‘FANTASMA’ da jovem Vereadora e Presidente do Legislativo de Umburanas, custou aos cofres públicos a exorbitante quantia de R$ 5.150,00 (CINCO MIL CENTO E CINQUENTA REAIS), digo exorbitante, por se tratar de uma pequena cidade do interior do Estado que pela insensatez de quem a praticou, no inicio da carreira política e com um futuro promissor pela frente, já que também, cursa uma faculdade de direito, só tem a deixar a desejar, pois, dos pequenos furtos é que se torna um grande larápio, vide o caso recente do Governador Arruda em Brasília. Vinte e dois (22) anos de idade um péssimo

  • abril 12, 2010 em 6:03 pm
    Permalink

    Obrigado pela observação Paulo Coelho, dou o braço a torcer, inclusive não conserto o erro depois da observação para que todos saibam que eu errei e o senhor consertou.

    Ficou chateado por que eu postei sobre o ocorrido no lançamento do livro? Só deixamos aqui o que agrada a todos, se você não gostou pode sinalizar que nós retiramos a postagem, ok?

  • abril 12, 2010 em 7:16 pm
    Permalink

    “Coelho só faz sucesso na páscoa” E também: “Em terra de cego, quem tem um ôlho é caôlho.” Este tal de Paulo Coelho procura lhe corrigir, porem, ele é mal prá zorra em concordância verbal e pontuação, se não vejamos:
    “blog” significa diário em Inglês. Não é expressão!
    “as palavras de Profª. Macária,” deveria ser ponto de continuação e não vírgula, porque perde o sentido da frase.
    Olha Pelé, se este tal de coelho é um intelectual, Jorge de Jesus é mais intelectual do que ele eo Prefeito juntos.(Comparativo de igualdade…Seu… coelhinhooo.)

  • abril 12, 2010 em 7:46 pm
    Permalink

    enquanto os artistas vai ao centro de cultura,o cinema de valença esta a deriva, no esquecimento,se destruindo, é assim que a cultura de valença esta indo embora igual o rio una, será que dona macária não tem conhecimento do estado que se encontra o antigo cinema de valença??????d do mesmo jeito estou assistindo a igreja da matriz se acabando,o dinheiro que foi enviado ref para reforçar para não desabar e o prefeito não terminou as obras,quantos cartaz foi distribuidos pelo deputado demagogo luiz argolo e seu prefeito armengueiro,dizendo que a obra era sua,mais até hoje nada foi feito.

  • abril 12, 2010 em 7:49 pm
    Permalink

    cadê o dinheiro que o ministro mandou para o bairro estancia azul e nada foi feito, onde colocaram o dinheiro do povo, onde esta ricardo moura que fez tanto comentarios ref a esta verba,o povo não é bobo????

  • abril 12, 2010 em 8:44 pm
    Permalink

    Sobre o lançamento do livro “Rio de Letras”, gostaria de deixar registrado que estive lá prestigiando todos os escritores ali presentes. Gostaria também de dizer que a promoção de eventos dessa natureza só nos enriquece, ao mesmo tempo em que serve para revelar e/ou consolidar talentos da terra.Para mim, o momento mais emocionante(por razões óbvias) foi quando o historiador Ubiratan de Castro, em seu discurso, fez a leitura do poema ‘Valença’, do escritor Ivanmar de Queiroz(meu pai).Espero que outros eventos culturais como esse aconteçam em Valença, pois ,se por um lado somos atropelados por coisas do tipo”…me dá a patinha…”, por outro,é bom saber que ainda há lugar para manifestações culturais de bom gosto.

  • abril 12, 2010 em 8:47 pm
    Permalink

    PELEGRINI SE VC TIRAR ESSA POSTAGEM DO BLOG PROMETO QUE NUNCA MAIS LEIO SEU BLOG. QUEM É ESSE EDVALDO BORGES. BASTA SER EMPREGADO DE RAMIRO PARA NÃO SER NADA. DEVE SER ELE MESMO USANDO O NICK DE PAULO FREIRE PARA FALAR BOBAGENS. NÃO RETIRE. SE RETIRAR VAI PERDER A CREDIBILIDADE COM SEUS LEITORES.

    MAGNUM 48

  • abril 12, 2010 em 8:53 pm
    Permalink

    Ivana, que bom ter você aqui.

    Beijos,

    Tio Pelé

  • abril 12, 2010 em 8:54 pm
    Permalink

    Acho que não Magnum. O Bang não é baixo nível.

  • abril 12, 2010 em 9:17 pm
    Permalink

    Prezados amigos

    Estive no Centro de Cultura e tive a oportunidade de ver profª Macária dizer que o prefeito Ramiro é um homem de Estrelas na Cabeça…Estrelas Cadentes….rs… e disse mais…que não gostava de política e de politicos, principalmente daqueles que escondem dólares na cueca….E que Bang não esquecesse de dar o recado ao prefeito, batendo então nas suas costas para o mesmo não esquecer…Logo apos Araken Vaz pegou o microfone e disse que já que o prefeito estava começando a dar valor a cultura de valença, visto que mandou um representante, tomasse como exemplo o da profª Macária que doara 1.800M2 de terra para construção da Academia Valenciana de Letras e que gostaria de saber o que o prefeito representado doaria para a construção da Academia de Letras??…e a pergunta ficara no ar…!!!!
    São eventos como este, trazendo figuras importantes da cultura Baiana que engrandecem Valença …e é de ressaltar que esse evento trouxe para Valença o proximo encontro Estadual de Academias de Letras de todo o Estado, onde gerará renda, conhecimento e desenvolvimento não só para Valença , mas toda a região…Parabens a AVELA pela iniciativa que foi prestigiada pelo povo de Valença!!!E parabens Pelegrini por ter coragem de falar o que muitos calam !!!!

  • abril 12, 2010 em 10:14 pm
    Permalink

    Jorge Armani deve ser um terno fabicado no paraguai

  • abril 12, 2010 em 10:54 pm
    Permalink

    Pelegrini

    Que bom seria se a cultura chegasse aos que se propõem a administrar uma cidade tão linda e ao mesmo tempo tão desprezada, tão hospitaleira e ao mesmo tempo ingrata com seus municípes e também com aqueles que deixaram outras cidades e se apaixonaram Valença pela sua beleza natural, beleza essa que só é enxergada por aqueles que vislumbram o bem estar dos cidadãos, e que sonham poder caminhar tranquilamente às margens do Rio Una, sentindo uma brisa que não tenha o odor das toneladas de esgotos domesticos, comerciais e hospitalares, que são lançados o tempo todos, fazendo-o agonizar ao passo que os poetas versam frases tão tristes por consequencia da falta de ações concretam que venham resolver o problema do saneamento básico que inexiste.
    Ter cultura (conhecimento) talvez muitos nunca terão, mais princípios éticos e morais é que se exige das pessoas que nos governam, pois merecemos respeito, gente tem que ser tratada como gente, as oportunidades tem que ser iguais para todos.
    È triste saber que 70% da população nunca assitiram uma peça teatral, é triste saber que em momentos tamanha envergadura cultural, tenha que usar da palavra para desabafar e mandar recado para aquele que é a expressão maior de ignorância cultural, só os que amam verdadeiramente sua terra, nunca poderá se calar, dinte das injustiças atrozes, porque governar não é para beneficiar alguns e sim a todos.
    Pelegrini o homem não se conhece pelas suas vestes exteriores, e sim pelo seu interior. Tenho certeza que só os covardes não tem coragem de usar sua propria identidade, utilizam-se de cognomes, mas, os corajosos são aqueles que falam o que pensam, mesmo que aconteçam errinhos de português, e dai, quem é perfeito? Pra mim isso também é cultura, trazer informação para os que utilizam os blogs sérios em busca de conhecimento, se não fosse essa postagem eu não saberia que aconteceu esse evento tão importante para a nossa cidade. Continue assim e não se preocupe com as críticas daqueles que se dizem intelectuais e não suportam serem criticados.

  • abril 13, 2010 em 7:07 am
    Permalink

    Obrigado Observador!

  • abril 13, 2010 em 6:12 pm
    Permalink

    o poblema é que o prefeito de valença só entra na cultura de somar para seu bolso,este cara é ruim pra tudo em valença,desatre como administrador publico, a marca de ramiro queiroz e claudio queiroz.

  • abril 13, 2010 em 9:12 pm
    Permalink

    DENÚNCIA DE LEITOR] Prefeito de Eunápolis tem bens bloqueados pela Justiça

    terça-feira, 13 abril, 2010 às 17:24 em Variedades.
    Na última sexta-feira (9), o Promotor de Justiça do Ministério Público Estadual, Dinalmari Mendonça, falou que o prefeito de Eunápolis, José Robério Batista de Oliveira, esta se utilizando do velho jargão, também usado por outros políticos, quando são acusados de improbidade administrativa, alegam que são vítimas de perseguição e que os acusadores são da oposição.

    Segundo Dinalmaria, a intenção dessa estratégia é desviar o foco das denúncias, porém José Roberto não está apenas sendo acusado pela Promotoria de Justiça de Eunápolis, apenas por improbidade, ele responde a sete processos criminais bo Tribunal de Justiça da Bahia.

    Segundo a defesa do prefeito, o juiz teria sido induzido ao erro, pois as denúncias do Ministério Público confundiam contratações com nomeações de cargos de confiança. Porém segundo o promotor, ele apenas tratou de contratos realizados pelo município, deixando de fora todas as nomeações.

    A defesa do prefeito afirma não ter contratado funcionários fantasmas, porém o servidor Ariosvaldo Rodrigues Soares, contratado como conselheiro tutelar, porém a defesa afirmou que ele tinha atuado na função de vigia de creche.

    ( E-mail enviado por leitor do Pura

    o´prefeito de valença faz o que quer com a cidade e nada acontece, tembém os vereadores gosta de armengue,gosta de receber presentes do prefeito e alguns tem parentes e algumas gordurinhas na viuva mais velha da bahia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *