AUMENTA A CRIMINALIDADE E TAMBÉM OS NÚMEROS DA PESQUISA DO GOVERNADOR WAGNER

image

Quero ver aonde vai tudo isso. Os mesmos bandidos que assaltaram a lan de Bruno há 20 dias voltaram e assaltou de novo. Não temos mais tranqüilidade. Em todos os lugares que chego vejo pessoas falando em números de violência: quantos morreram quantos foram assaltados, quantos arrombamentos. Tudo isso acontecendo e a popularidade do governador aumentando. Será que as pessoas não estão olhando o que está acontecendo com nosso estado? Esse governador deveria ter pais e filhos para serem sacaneados por bandidos, ai sim ele iria ter um pouco mais de sensibilidade e pensar na nossa situação. Ele também deveria ter um pequeno comércio para ser assediado a toda hora por bandidos, para ver como é bom. Infelizmente anda cercado de seguranças, ele e os seus familiares (os novos burguesinhos da Bahia importados do Rio de Janeiro).

A orla de Valença é um foco de bandidos e prostituição, não se pode mais sentar por ali com tranqüilidade, os crimes acontecem debaixo do nosso nariz, não se vê policia, parece até que não existe isso em Valença. Se for botar a culpa no chefe da polícia ele vai dizer que a culpa é do governo. Na verdade o que se vê é uma grande incompetência dos poderes públicos, tanto por parte do prefeito, como da polícia e muito mais do governador Wagner.

Governador, o senhor pode até ser eleito no primeiro turno. Agora com certeza terá a maioria do apoio dos bandidos, estes gostam do senhor. Sim, porque ficam a vontade, ninguém os persegue. Agora, o cidadão de bem que trabalha duro para conseguir sustentar sua família: esse não tem sossego, vive apreensivo, com medo. E também por falta de consciência política vai votar no senhor.

Essa semana bandidos mataram um pai de família em plena atividade. O cidadão fazia linha Bom Despacho-Valença em uma van, como ele não quis parar o veículo para os malditos meliantes saquearem, eles sacaram de uma arma e deram um tiro na cabeça do rapaz. Os familiares ficaram a lamentar a perda de um ente querido e de uma fonte de renda da família.

Pense governador: se fosse seu pai, sua mãe ou um filho seu que tivesse recebido uma bala na cabeça, o que o senhor faria?

É assim governador que o senhor quer distribuir renda? Proporcionando o aumento de bandidos nas ruas para levarem o que conseguimos com trabalho limpo? Pelo menos indique quem eles devem roubar, que são os membros do governo que faz corrupção a toda hora e todo momento com nosso dinheiro. E deixe-nos ao menos andar em paz pelas ruas de nossa cidade sem ter medo.  Que também tenhamos o direito de viver para criar nossos filhos, para que não sejam vítimas de governos incompetentes. É pedir demais?

25 thoughts on “AUMENTA A CRIMINALIDADE E TAMBÉM OS NÚMEROS DA PESQUISA DO GOVERNADOR WAGNER

  • janeiro 10, 2010 em 11:38 am
    Permalink

    Meu caro amigo, o senhor foi muito duro com um chefe de estado. Sabe que pode sofrer sérias penas com suas acusações? Tenha um pouco mais de brandura quando escrever algo sobre uma autoridade. O nobre amigo acha que o governador Wagner tem interesses em manter um estado sob condições de violência? Quem pode acusar dessa forma:”É assim governador que o senhor quer distribuir renda? Proporcionando o aumento de bandidos nas ruas para levarem o que conseguimos com trabalho limpo?” é quem realmente tem condições de sustentar o que fala. Será que o nobre amigo não pensou nisso antes, ou vai conseguir provar o que falou?

  • janeiro 10, 2010 em 11:41 am
    Permalink

    Pegou pesado heim pelé? Tá certo memo, liquida esse cara inchada.

  • janeiro 10, 2010 em 1:14 pm
    Permalink

    Senhor Francisco,

    Posso não conseguir provar, agora não vou me calar diante de tantos descasos desse governador. Fico revoltado quando ele consegue subir nas persquisas ao tempo em que a violência continua subindo também. Não tenho medo de ser processado, tampouco de ser preso por falar a verdade. O povo não tem como provar mostrando documentos, mas pode muito bem provar mostrando as costas. O governador Wagner com certeza nã vai ler esse meu post, mas tenho certeza que o grande número de bajuladores que ele tem poderá querer fazer alguma coisa. Às ordens, fico esperando qualquer retaliação de vocês. Quem quiser doer que doa!

    Abraço, e obrigado por seu comentário,

    Pelegrini.

  • janeiro 10, 2010 em 6:04 pm
    Permalink

    A resonsabilidade do aumento da criminalidade no Estado da Bahia não é somente do Governador, é claro que ele tem uma parcela de culpa, porque não se ver um plano de segurança para o Estado, mas, os adolescentes e jovens que hoje cometem crimes é porque em Governos passados não tiveram a chançe de ter uma educação digna e por falta de emprego. Wagner só tem tres anos de Governo e herdou uma herança maldita do Carlismo que tá ai querendo voltar.

    Pense nisso Pelegrini não são crianças de tres anos que vivem assaltando e matando pessoas de bem.

  • janeiro 10, 2010 em 6:48 pm
    Permalink

    hoje a situação tá de tal maneira que qualquer banalidade é motivo para se sacar uma arma de fogo. a polícia precisa ser mais hostil, se mostrar mais presente. por outro lado, como se mostrar mais presente, se não possuem seus carros em bom estado de uso e combustível para os mesmos? não resta dúvidas de que este governo é falido e incapaz. tão se falando tímidamente por aí que a secretaria de segurança publica ta preparando um pacote de ações ostencivas em nossa região. estamos esperando anciosamente. que isso aconteça sem demora. meliante perigoso não vale a pena ser preso. não compensa. a polícia precisa de aval da justiça para eliminar os que oferecem insegurança para os cidadãos de bem. essa é a minha opinião e acredito que essa é a opinião também da maioria.

  • janeiro 10, 2010 em 6:48 pm
    Permalink

    Hoje fui a cairu e vi como o prefeito de lá trabalha e faz festa de qualidade para seu povo e visitantes,valeu hildecio meireles, valença queria ter um prefeito igual a vc., abço.

  • janeiro 10, 2010 em 6:52 pm
    Permalink

    a cidade de valença tem 2 carros da PM,os dois não vale um, além de tudo caindo os pedaços,não sei como este governo vagareza anda bem nas pesquisas,qual foi a empresa que fez esta pesquisa, porque em valença não veio ninguém pesquisar????como um governo assina ordem de serviços sem ter feito o edital, isso aconteceu em MORRO DE SÃO PAULO, ta enganando o povo DA BAHIA.

  • janeiro 10, 2010 em 11:24 pm
    Permalink

    Vamos reunir os cometaristas da galera da jaca: O Jaca Mole, o Bago Mole, o Bago Duro e o Caroço de Jaca Peba.
    Cada um dá R$10,00 e vamos comprar uma dúzia de babador para o coleguinha Francisco Mendonça (Alagoinhas). Se sobrar algum troco, compramos tudo de chupetas.

  • janeiro 10, 2010 em 11:27 pm
    Permalink

    E ele continua usando o modelo dos carlistas não é Marcos?

  • janeiro 10, 2010 em 11:49 pm
    Permalink

    Quero saber se a prefeitura já comprou o ônibus (zero KM) para transporte escolar das nossas crianças valencianas?
    A verba já foi liberada há muito tempo conforme parte do meu comentário anterior
    ***AQUISICAO DE VEICULO AUTOMOTOR, ZERO QUILOMETRO, COM ESPECIFICACOES PARA TRANSPORTE ESCOLAR, POR MEIO DE APOIO FINANCEIRO, NO AMBITO DO PROGRAMA CAMINHO DA ESCOLA.

    Convênio nº 653959
    Convenente – VALENCA PREFEITURA

    Valor do Convênio R$321.106,50
    Valor LIBERADO em 24/11/2009 R$321.106,50

    DÁ PRÁ RESPONDER PREFEITO???
    Se ficar calado, posso pensar que o dinheiro já era…
    Ou então o Governador pode responder: Cadê o dinheiro da prefeitura, liberado pelo Governo Federal em 24/11/2009, para a aquisição do ônibus????
    Quero saber!!!

  • janeiro 10, 2010 em 11:53 pm
    Permalink

    Caroço de Jaca Peba, eu também quero colaborar na vaquinha para o coleguinha Fco Mendonça ( o de Alagoinhas ). Posso colaborar com R$10,00 para comprar um pacote de fraldas descartáveis e um chocalho para ninar o coleguinha.
    Sou tão tolinho.

  • janeiro 11, 2010 em 12:01 am
    Permalink

    Também vou colaborar nessa vaquinha aí, meu.
    É para o Francisco Mendoça, O DE ALAGOINHAS, meu.
    Tô duro e só posso dar r$8,00 para compra de cd pirata de músicas para ninar bajulador de barbudo papai noel.

  • janeiro 11, 2010 em 7:22 am
    Permalink

    Eu não fiz uma ameaça ao administrador do blog, apenas alertei para as consequências. Não tenho vínculo nenhum com o PT. Entrei apenas como um comentarísta e dei minha opinião. Obrigado.

  • janeiro 11, 2010 em 10:22 am
    Permalink

    PT COGITA CHAPA CARLISTA “PURO SANGUE” PARA O SENADO
    Sáb, 09 de Janeiro de 2010 11:02

    Seria a “vingança” do velho ACM?

    Uma parte da ala governista e do PT considera a possibilidade de formar uma chapa para reeleição de Jacques Wagner que agregue o senador César Borges (PR) e o conselheiro do Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia (TCM) Otto Alencar, que está prestes a se filiar ao PP. Os ex-carlistas ainda não se posicionaram. Em entrevista recente ao Bahia Notícias, o senador Cesar Borges afirmou que sua chapa só deve ser definida após o carnaval, ele ratificou ainda o discurso de que o seu caminho natural é uma união com o ex-governador Paulo Souto (DEM), mas declarou que “não se fecha a porta aos mais novos amigos”. Enquanto isso segue os rumores.

    Tanto o senador César Borges, quanto o conselheiro do TCE Otto Alencar, são “crias” do ex-governador Antônio Carlos Magalhães (ACM) e chegaram a ocupar o cargo de gorvernador da Bahia, por obra e graça do falecido líder do antigo PFL. O “flerte” dos petistas com os ex-carlistas deixa evidente uma coisa: os antigos oposicionistas ao “carlismo” não conseguiram formar quadros políticos confiáveis e agora, no governo, estão à mercê dos “filhotes” do defunto, para se manterem no poder. Outra hipótese é a de que Wagner começou a fazer bom proveito da “herança maldita” de que ele tanto se queixa.

    Entre ganhar as duas vagas no senado com os “meninos de ACM” ou perder uma delas com uma chapa formada por petistas e partidos aliados (de esquerda), acho mais coerente a segunda opção, para que Wagner não repita o erro de Waldir, que devolveu a Bahia, de mão beijada, ao carlismo que ele tanto combateu. É bom ficar de olho no futuro.

  • janeiro 11, 2010 em 11:32 am
    Permalink

    Com certeza estamos caminhando para isso Joâo.

  • janeiro 11, 2010 em 4:38 pm
    Permalink

    Hoje no bradesco um cidadão com poblemas mentais jogou uma pedra e quebrou os vidros da porta do BRADESCO, muita confusão,quem estava fazendo deposito nos caixas rapidos ficaram apavorados,até as pessoas que tem poblemas mentais este PREFEITINHO NÃO CUIDA,será que em valença a ação social não tem verbas para cuidar dos nescessitados, será que este prefeito esta colocando o dinheiro de valença onde? quem passa no calçadão pode ver, a culpa maior é da prefeitura, não tem guardas de ruas, não tem assistencia social para os nescessitados.

  • janeiro 11, 2010 em 6:44 pm
    Permalink

    O governador Jaques Wagner sonha com a construção da ponte Salvador-Itaparica como elemento de integração entre os extremos norte e sul da Bahia. O projeto é considerado megalomaníaco por opositores e até aliados do governo.

    Enquanto isso, os ilheenses sonham com uma nova sobre a baía do Pontal. A existente, a Lomanto Júnior, tem mais de 40 anos e vive engarrafamentos constantes, principalmente nos horários de pico do trânsito da velha Terra de Gabriela. Não é por nada, não… mas a ponte de cá é bem mais fácil de sair do papel. Com um pouquinho de vontade, a “coisa” sai.

    Postado em Pimenta na Muqueca | Tags: Ilhéus-Pontal, ponte, Salvador-Itaparica | Nenhum comentário »

    o governo vagarezza ta parecendo aquele tal de cabeça branca, gostava de assinar documento emcima do palanque dizendo que autorizou fazer a obra, sabe delas nem licitação nem dinheiro no orçamento tem, a de pirai do norte não existe dindim pra fazer o asfaltamento prometido, pode cair do cavalo, cuidado governador, seus secretário deve esta lhe passando o papel errado da contabilidade, veja que o povo de ilheus ja esta lhe cobrando a ponte de lá, a de itaparica é outra dor de cabeça, não vai sair e o cavalo pode cair, 3 anos ja se passou aqui em valença nem renato entrou como foi prometido nem as obras prometidas veio, ou seu povo que administra valença não esta sabendo pedi.

  • janeiro 12, 2010 em 3:27 am
    Permalink

    Ei Pelegrini, eu acho que a questão da deficiência na segurança Publica de Valença, está também relacionado a Presença desse Coronel Uzeda, comandante da PM em Valença. Esse Coronel tá na hora de cair fora da cidade e colocar um comandante que planeje e distribua melhor seus liderados.

  • janeiro 12, 2010 em 9:12 am
    Permalink

    enquanto o ministro GEDEL fazia um discurso sobre o estado da bahia ref as industriaS que não vem, um gaiato gritou no fundo!!!! AQUI SÓ TEM AS INDUSTRIAS DO CRAK,um ex prefeito de cairu dizia que o secretário do governo jamado LEÃO, a um ano dizia que ia fazer a estrada de cairu a nilo peçanha, nunca fez nada, contaram os buracos que somava mais de 278 barrocas,fora os buraquinhos, as costelas de vacas,o gostoso foi o ex prefeito estacio chamar o tal secretário de gatinho, a BAHIA não merece mais ser enganada.

  • janeiro 12, 2010 em 9:14 am
    Permalink

    sabendo que o prefeito de valença esta fazendo casas com troncos de coqueiros,vou vender minha fazenda de cocos a este prefeito, só assim vou ter preço de mercado,kkkkkkkk, oleo de peroba na cara deste PREFETINHO.

  • janeiro 12, 2010 em 9:22 am
    Permalink

    SERÁ QUE AS 600 CASAS POPULARES QUE VALENÇA PODE TER SERÁ FEITA DE TRONCO DE COQUEIROS,KKKKK JA SE FALA QUE O GOVERNO VAGNER PODE VIM NO GUAIBIM INAUGURAR AQUELA BELEZA DE ARMAÇÃO DO TIO RAMIRO,OLHA VAMOS VOLTAR AO PASSADO DAQUI A POUCO,ENQUANTO EM BOM JESUS DA LAPA JA SE PLANTA MUITOS COQUEIROS, CACAU E TUDO QUE UMA REGIÃO AGRICOLA PODE TER, AQUI EM VALENÇA UM ANO NEM AS ESTRADAS NÃO FORAM CONCLUIDAS, O POVO DO BAIXÃO SABE O QUE ESTA SOFRENDO, ENQUANTO ISSO ALGUNS VEREADORES QUE TEM VOTOS LÁ NADA FAZ.

  • janeiro 12, 2010 em 9:24 am
    Permalink

    os vereadores bertolino da porca magra e lelo de serra grande ja não podem mais ir na sua região, a cobrança é grande, as estradas um verdadeiro passador de animal, prefeito o baixão é uma vergonha 14 meses e nada de maquinas nas estradas.

  • janeiro 14, 2010 em 11:26 am
    Permalink

    Souto denuncia crescimento da violência no interior
    Em seu comentário na Rádio Metrópole, o presidente estadual do DEM, o ex-governador Paulo Souto, denunciou o avanço dos casos de violência nas pequenas cidades da Bahia.

    Acabou o sonho de morar com tranqüilidade e segurança no interior da Bahia. A escalada da violência que prolifera em Salvador e na Região Metropolitana não poupa médios nem pequenos municípios baianos. “A violência que antes preocupava apenas a população de Salvador e de algumas outras grandes cidades se estendeu por todo o estado. Dos mais de 12 mil homicídios ocorridos na Bahia nos anos de 2007, 2008 e 2009, 60% foram registrados no interior”, denuncia o presidente estadual dos Democratas, o ex-governador Paulo Souto.
    Nas regiões de Feira de Santana e Vitória da Conquista, com base nos dados da Secretaria Estadual de Segurança Pública, Souto informa que houve um aumento de cerca de 20% no número de assassinatos em 2009. “No final do ano passado, Feira foi palco de uma chacina em que morreu uma família inteira, pai, mãe e dois filhos, de forma cruel: metralhados. Em Conquista, recentemente, houve o registro de seis homicídios em 24 horas.”
    Mas a violência não grassa só entre os municípios maiores. O presidente do DEM lembra que, na semana passada, em Santa Bárbara, os bandidos chegaram a trancar o portão do prédio onde funcionam as polícias civil e militar para assaltar a agência do Banco do Brasil da cidade com mais tranqüilidade. “O pior é que a delegacia do município conta apenas com dois PMs e dois policiais civis e apenas uma viatura, em precário estado de conservação, para proteger 30.000 habitantes”.
    São Sebastião do Passé é outra pequena cidade baiana que ganhou as manchetes de jornais por causa da violência este ano. “Na noite do dia dois de janeiro, na localidade de Taquipe nessa pequena cidade do Recôncavo Baiano, quatro pessoas, dois homens e duas mulheres, foram barbaramente assassinados a golpes de facão. E deles foram roubados R$ 1,5 mil. Até agora o autor do crime não foi encontrado”, diz o ex-governador.
    Em Valença, a média de dois homicídios por mês, que já era considerada alta, vem crescendo. “Atualmente subiu para oito por mês, ou seja, quadruplicou, conforme foi noticiado pela imprensa”, comenta Souto. Segundo ele, na pequena cidade de Abaré, a 600 quilômetros de Salvador, a população é frequentemente atormentada por assaltos.
    “O município de Abaré, na divisa com Pernambuco, até o início do Governo Wagner, era uma das localidades mais pacíficas da Bahia. Hoje, segundo o prefeito Delísio Oliveira, os bandidos organizam “blitz” ao longo da BR-116 e da BA-210, como se fossem policiais, parando carros, caminhões e ônibus para saquear os viajantes que passam pelo local”, relata o ex-governador.
    Souto assinala um problema sério denunciado pelo prefeito Delísio. A região de Abaré contava com um efetivo policial de 180 homens, que tinham à disposição 16 carros. Mas, segundo o prefeito, em três anos o número de policiais foi reduzido drasticamente e apenas quatro viaturas estão em operação.
    O ex-governador da Bahia lamenta ainda a história que ouviu no distrito de Santa Rosa, no município de Jaguarari, onde o comércio está sendo prejudicado pela falta de segurança. De acordo com produtores e moradores locais, a tradicional feira que ocorre no distrito está se inviabilizando devido aos constantes assaltos que vem sofrendo feirantes e clientes.
    Para evitar a violência no interior, Paulo Souto lembra que, em seu governo, criou as Companhias Especializadas do Cerrado, da Mata Atlântica, do Semi-Árido, do Paraguaçu, do Sudoeste e da Região Cacaueira. A medida foi uma reação ao crime organizado que começava a assaltar bancos no interior. As ações das companhias especiais promoveram uma redução de 75% no número de assalto a bancos e roubos de carga no interior do estado no período de 2003 a 2006.
    “Essas tropas especiais com contingente de 100 homens cada uma eram devidamente equipadas com armamento e veículos adequados e ganharam grande prestígio junto às comunidades às quais prestavam serviço. Mas o que se sabe é que houve, no atual governo, um desaparelhamento dessas companhias, com diminuição de efetivo e sucateamento de equipamentos e veículos, numa demonstração de total insensibilidade com a falta de segurança em que vive atualmente toda a Bahia”, alerta o ex-governador.

    Fonte: Assessoria de imprensa

  • janeiro 14, 2010 em 11:00 pm
    Permalink

    Creio que a questão da segurança publica é falta de planejamento mais eficaz. Não é possivel que os politicos não sejam capazes de fazer PLANEJAMENTO. Isso tudo é um efeito cascata, não ha investimento em educação, saúde e trabalho, creio que são os 3 pilares para redução da onda de violência que corre em nossa cidade.No caso de Valença a educação quase falida, a saúde capengando e o “Multirão por mais emprego” sumiu depois da vitória do prefeito Ramiro Queroz. Esse multirão foi como o “bondinho do Amparo”, foi como a verdadeira obra faraônica para ganhar as eleições. E nem vamos pensar que ele vai fazer essa multirão por mais emprego, por uma lógica simples: o senhor Ramiro Queiroz é o maior empresario de Valença com as lojas Guaibim e Casa e Fazenda, hoje ele deve pagar aos funcionarios cerca de R$465,00 á no maximo R$ 800,00 reias, não conheço ninguem que ganhe mais do que isso la dentro, tirando os gerentes é claro. Deve-se ter la dentro das lojas cursos de formação para os funcionarios exercerem melhor suas atividades, tornando-os mais qualificados para o exercicio da profissão. Se por acaso o senhor Ramiro Queiroz traz uma nova empresa ou industria para Valença, a demanda desse novo empreendimento será por mão-de-obra qualificada e quem conhece Valença sabe que a população infelismente não tem qualificação para ocupar esses tipos de cargos, adivinha quem essas empresas iriam contratar? Exatamente os funcionarios que recebem cursos e que estão qualificados pelas lojas da familia Queiroz, logo essas empresas iriam oferecer salarios mais altos para que houvesse essa troca de cargos e a familia Queiroz iria ter que pagar mais pelos mesmos funcionarios. CONCLUSÃO: O capitalismo reina mais forte do que qualquer MULTIRÃO POR MAIS EMPREGO. Até a proxima eleição com mais uma historinha para criança dormir.

  • janeiro 15, 2010 em 11:10 am
    Permalink

    GEDDEL PEDE LICENÇA AO SENHOR DO BOMFIM PARA CHAMAR WAGNER DE “INCOMPETENTE”

    O ministro Geddel Vieira Lima (Integração Nacional) também criticou durante o cortejo do Bonfim as declarações do governador Jaques Wagner (PT) de que tem buscado aparelhado as polícias baianas a fim de enfrentar o crescimento da violência. “Estranho Wagner fazer este tipo de declaração. A vida dele toda foi fazendo oposição e criticando. Pena que agora no governo ele foi absolutamente incompetente em fazer aquilo que propunha quando era oposição”, disse o ministro que também comentou o projeto da ponte ligando Salvador a Itaparica, mais conhecido, ironicamente, entre os oposicionistas, que “ponta do rio que cai”. “Tem que olhar as prioridades. Antes de fazer a ponte, é importante arrumar a Ilha, fazer um plano diretor de desenvolvimento urbano e saneamento, elegendo prioridades”, declarou o ministro.
    ISSO SO ESTA NO COMEÇO.. A COISA VAI PEGA ABRE O OLHO WAGNER MOLEZA….

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *