TRANPARÊNCIA NAS VERBAS DE GABINETE DE PARLAMENTAR, AGORA VIROU MODA.

image Os tempos estão mudando, no mês de fevereiro deste ano, o presidente da câmara de Salvador Alan Sanches (PMDB), (seguindo exemplo do presidente da Câmara dos Deputados, Michel Temer -PMDB-SP- que decidiu divulgar no site da Casa os gastos dos parlamentares com verba indenizatória), decidiu dar transparência aos gastos da Câmara Municipal também.

“Duas iniciativas em curso na Câmara Municipal de Salvador ganharam impulso: a modernização do site do Legislativo, com o custo dos mandatos e toda a movimentação administrativo-financeira do Legislativo (contratos, convênios, pessoal etc), determinada pelo presidente Alan Sanches (PMDB); e o Portal da Transparência do Município de Salvador, projeto proposto pelo vereador Edson da União (PMN), com informações referentes à execução financeiro-orçamentária e a estrutura administrativa da prefeitura”. http://www.atarde.com.br/politica/noticia.jsf?id=1077675

Recentemente a Vereadora Heloisa Helena está respondendo um processo na comissão de ética da Câmara de Maceió, também por questões de transparência nas verbas recebidas pelos vereadores, que segundo ela recebem a verba e só depois prestam conta, e isso é errado. “SOU UM POÇO DE TERNURA”.

image
A senhora xingou Tereza Nelma? Eu a chamei de porca trapaceira… Mas o que está por trás disso é outra coisa. Ela quer me atingir porque estou lutando contra a forma como os vereadores de Maceió usam sua verba de gabinete.

Pode explicar melhor? Os vereadores de Maceió recebem 160 000 reais em dinheiro por mês, gastam e prestam contas depois. Isso é errado.

A senhora a chamou de "porca trapaceira" por causa disso? Só vou explicar na comissão de ética. Mas ela ficou brava porque, logo depois que a chamei de porca, apareceu a gripe suína em Maceió. Agora, o povo fica de brincadeira com ela.

O que o povo diz? Que foi ela que trouxe a doença. Os produtores de porco também reclamaram. Pediram para que eu não chame mais ninguém assim, porque os porquinhos cor-de-rosa são bonitinhos.

Mas "porca trapaceira" é pesado. Sei que não fica bem chamar ninguém assim. Mas, na essência, eu sou um poço de ternura. Só viro um caldeirão de fervura, uma onça, quando sou atacada pelas costas.

O que é pior: a Câmara de Maceió ou o Senado? A podridão é generalizada, meu amor. Na política, só quem é bandido não fica estressado nem à beira de um ataque de nervos, como eu. http://veja.abril.com.br/080709/conversa-com-heloisa-helena-p-062.shtml

Que tal se a Câmara de Valença aderisse a tal tranparência das verbas de gabinete?

Com a palavra os vereadores…

11 Respostas para TRANPARÊNCIA NAS VERBAS DE GABINETE DE PARLAMENTAR, AGORA VIROU MODA.

  1. Lina julho 13, 2009 às 12:41 pm #

    Minha ídola! Até quando ela é “cortante”, o povo a REFERENDA como um poço de ternura! Valeu Pelegrini! No mais, só resta a sua filiação no P-SOL! RISOS! BEIJOS!

  2. Lero do Tento julho 13, 2009 às 1:37 pm #

    Coé pelegrini! vc acha que esses caras de pau virão aqui pra fazer comentário é? dexa de ser bobo, lembre-se que o único políticvo decente é o ricardo moura, esse sim, já teve aqui er se esclareceu, e também o zé da hora que é homem de bem, nem mesmo o seu candidato jairo tem corawgem de flar sobre isso, vamos ver?

  3. Milena Assis julho 13, 2009 às 1:44 pm #

    Porqwue

    Por que isso? Só vereador comnenta é?

  4. Celia Assis julho 13, 2009 às 2:01 pm #

    Heloisa minha querida, aqui tem muitos porcos trapaceiros. Como fazemos para evitar uma gripe suína? (risos).

  5. pelegrini julho 13, 2009 às 2:30 pm #

    Claro que não minha querida Milena, o espaço é para todos, só pedi a opinião também dos vereadores.

    Abraço,

    Pelegrini

  6. Mille julho 13, 2009 às 5:15 pm #

    Heloísa Helena é uma mulher séria, lúcida e equilibrada, mas é um ser humano e por isso comete deslizes, como esse… Ela foi infeliz com a comparação, afinal, os pocos cor de rosa não possuem nada em comum com essa vereadora, no entanto, nossa futura PRESIDENTE DA REPÚBLICA foi muito inteligente e digna na denúncia dessas estratégias… Entendo o destempero de HH e a desculpo, afinal, concordo com ela: “Na política, só quem é bandido não fica estressado nem à beira de um ataque de nervos.”

    TRASPARÊNCIA JÁ!

    Abraços a todos!

    Vereadores, e esse babado forte dos 147 pu 180 jornais vendidos por mês para a Prefeitura de Valença?

  7. Opach julho 13, 2009 às 5:26 pm #

    Arre baba! Onde estão as lamparinas do juízo desses vereadores?

  8. jairo de freitas baptista julho 14, 2009 às 12:57 am #

    Caro amigo oculto” Lero do tento”, Você despertou-me para comentar, pela primeira vez, no blog do pelegrini. Faz parte da minha personalidade a franqueza, a seriedade, a coragem e a verdade.
    Você sugeriu e vou além. A partir de julho/09 estou publicando as contas pagas com a verba do gabinete,tornando-as públicas,através do site http://www.jairobatista.com.br, para conhecimento de todos.
    Para conhecimento seu e dos leitores do blog, informo que foi aprovado, projeto de minha autoria, que obriga a Câmara Municipal de Valença, a publicar em seu site, toda a movimentação contábil, financeira, licitações, salários dos funcionários e subsidios dos vereadores.
    Já cobrei por duas vezes a efetivaçao do projeto e estarei reiterando à sra. Presidente Roselidiana Farias, amanhã,na sessão ordinária de 14.07.2009.
    Gostaria de enviar a você “Lero do Tento”, cópia do projeto para seu conhecimento, mas infelizmente você se esconde através de um
    pseudônimo, demonstrando, desta forma, que a coragem não é o seu forte.

  9. Lero do Tento julho 14, 2009 às 8:48 am #

    Ahá! que boa surpresa, o verteador jairo me respondeu, desculpe meu grande amigo mas num posso me identificar, vivo escondido atrás dos nicks módeque tenho medo de represálias. gosto de frequentar a sorveteria de pelegrini e as vzs fico horas ouvindo o que vcs falam por lá. me desculçpe mas o que eu queira mesmo era que o senhor comewntasse. pelegrini é meu amigo. num se preocupe que conheço suas propostas.

  10. Leo julho 14, 2009 às 11:53 am #

    Vereadores, a Prefeitura comprou mesmo essa quantidade de jornais do Rolando na Orla? Caso afirmativo, a Câmara vai aprovar essa “orgia jornaléstica”?

  11. José da Hora julho 16, 2009 às 12:54 am #

    Valeu Pelegerini, seu interesse pelas duas matérias em apreciação e o chamamento para quem queira comentar.
    Foram dois temas; o primeiro trata da trnasparência dos gastos públicos e sua divulgação que segundo a Câmara de Salvador, será divulgado em seu site. Já no segundo caso a ex-senadora, presidente nacional do Psol e atualmente vereadora de Maceió, através de um Projeto de Lei, propõe maior controle, fiscalização e regulamentação para o gasto da verba indenizatória, “diárias”.
    Vejam o que é ter mandato em cidades grandes onde os meios de comunicação de grande circulação levam as informações aos mais longínquos pontos.
    Aquí em Valença, as duas matérias já foram apreciadas pela Câmara de Vereadores, através de Projetos de Lei, em 2008, portanto, anteriormente às duas Câmaras das Capitais citadas nas matérias.
    Realmenete, é de autoria do vereador Jairo Batista a Lei que trata da transparência através de divulgação, inclusive na Internet, da receita e despesa, tanto no Executivo como no Legislativo, que teve aprovação na Câmara e até hoje não se colocou em prática.
    Já o Projeto de Lei que regulamenta o uso/gasto da verba indenizatória, “diárias” é de autoria do ex-vereador Zé da Hora, que como a vereadora Heloisa Helena, também, enfrentou dificuldades na hora da apreciação da matéria no plenário da Câmara. Colocado em apreciação e votação o Projeto de Lei, teve pedidos de vistas solicitado em seções diferentes, por dois vereadores, que impediram a votação e naturalmente sua aprovação.
    Portanto, Heloisa Helena vai ter dificuldades para aprovação do seu Projeto, já que tem dinheiro em jogo.
    Qualquer cidadão que tenha interesse em conhecer os dois Projetos, poderão se dirigir à Camara de Vereadores de Valença e solicitar uma cópia. -A casa é pública e é do povo.

    José da Hora

Deixe um comentário