LÍDER DO GOVERNO DISSE QUE A ATUAL SECRETÁRIA DE EDUCAÇÃO NÃO É CULPADA PELA SOLICITAÇÃO DOS LIVROS E QUE CULPADOS SERÃO PUNIDOS

O vereador Reginaldo Araújo comentou sobre a suposta compra de livros, que o vereador Cristiano do Taxi havia denunciado na última Sessão da Câmara.

Reginaldo disse que também está em busca de respostas sobre esta compra e disse que faz parte de uma comissão que investigará o processo.

Prometeu enviar relatórios dessas investigações assim que concluirem na próxima semana.

Afirmou ainda que, a senhora Albete Freitas não solicitou essas despesas, e por isto informou aos representantes da empresa fornecedora dos referidos livros que não iria autorizar nenhum pagamento.

Leia na íntegra o comentário do vereador:

“Amigo Pelegrini,

Parabéns pelo texto coerente e de acordo com a realidade dos fatos. Não resta dúvidas que você tem razão em seus questionamentos.

Também estou em busca de respostas e uma Comissão da Câmara de Vereadores (da qual faço parte) irá lhe apresentar relatório das investigações que já iniciamos (até a próxima semana).

Espero que, de igual forma, a Secretaria de Educação e demais envolvidos neste processo irracional, repleto de indícios de irregularidades, prestem os devidos esclarecimentos a comunidade valenciana.

Contudo, volto a afirmar que participei de uma reunião, na Secretaria de Educação, onde a Professora Abete Freitas, de forma correta, informou aos representantes da empresa fornecedora dos referidos livros que não iria autorizar nenhum pagamento, haja vista que não realizou nenhuma solicitação de despesa para compra destes livros e que já estava adotando as providencias para abertura de sindicância para apuração das responsabilidades (ou irresponsabilidades) e que, constando-se crimes, todos os envolvidos seriam punidos dentro dos princípios da administração pública.

Ratifique-se que nenhum pagamento foi efetuado e que a secretária de Educação já solicitou que os livros sejam devolvidos para a empresa.

No mais, resta-nos aguardar, até a próxima semana, o desfecho desta maldita e irracional compra de livros em um momento em que temos demandas estruturais que merecem maior urgência da gestão pública.

Saudações!

Reginaldo Araújo”

Sem comentários.

Deixe um comentário