PRESTES A SER PRIVATIZADA E PRECISANDO DO APOIO POPULAR, SAAE DISTRIBUI “MIMOS” ÀS VÉSPERAS DE NATAL E EXECUTA CORTES DE ÁGUA DOS INADIMPLENTES

É isso mesmo, como é que essa autarquia que precisa do povo para defendê-los contra a privatização não se atenta para esses cuidados? Às vésperas de Natal executar cortes de água!? Nem se não tivesse precisando do apoio popular. Será que eles acham que isso é bom? Ou tem alguém conspirando contra?

Prá mim isso não é despreparo é estupidez mesmo, onde já se viu às vésperas de Natal fazer essas cobranças, justamente quando as pessoas estão na indecisão se compram o chester ou uma simples galinha assada, porque para peru o dinheiro não dá.

Pra o SAAE deve ser melhor ver o povo beber água e depois ir dormir do que ver o povo comer uma ave natalina e tentar esquecer as amarguras na noite de Natal. Falo isso não só pela pandemia que assola o país, mas também pela crise econômica que vivemos.

O SAAE que me perdoe, mas isso é um vacilo e dos grandes, poderiam ao menos deixar pra executar o corte depois do ano novo, dia 3 ou 4 de janeiro, as pessoas daqui pra lá podem ter ganho algum dinheiro e quem sabe, paguem até suas contas de água e também ganhem fôlego pra lutar pelo nosso patrimônio que está sendo ameaçada de privatização.

Com certeza colocaram gente lá dentro com essa intenção, de jogar o povo contra os funcionários (os mais preocupados com a privatização, pra não perderem o bom salário que recebem).

Dá pra ver que Valença está entregue a amadores: despreparados; sem juízo e porras loucas… Vá pra PQP!

6 Respostas para PRESTES A SER PRIVATIZADA E PRECISANDO DO APOIO POPULAR, SAAE DISTRIBUI “MIMOS” ÀS VÉSPERAS DE NATAL E EXECUTA CORTES DE ÁGUA DOS INADIMPLENTES

  1. Wolf Moitinho dezembro 22, 2021 às 3:29 pm #

    Fiquei chocado com a notícia que circula no nosso Município sobre a privatização do SAAE.
    Vou obter mais informações sobre o assunto para então dar a minha contribuição. Aliás, creio que o povo de Valença deve opinar sobre este e outros assuntos, mesmo porque é o principal interessado.
    Mais, admito que possa fazer um pequeno comentário, expondo um posicionamento inicial, sobre a intensão do prefeito Jairo Baptista.
    Quem leu a principal obra de Nicolau Maquiavel, O Príncipe, sabe que ele prega austeridade nos primeiros momentos de uma gestão. Também todos sabem que a palavra maquiavélico no sentido figurado diz respeito ao político “astuto”, “ardiloso” e caracteriza também governos despóticos e políticos corruptos. É um fato que o nome de Maquiavel é considerado uma ameaça às bases morais da vida política.
    O que pensar!
    Cabe a cada um cidadão morador do Município de Valença fazer a sua análise sobre este primeiro ano da gestão administrativa de Valença. Jairo estaria sendo maquiavélico ou utilizando a base do político e filósofo?!

  2. Eliel dezembro 22, 2021 às 7:48 pm #

    Muito boa e oportuna sua matéria.

  3. Lobão dezembro 23, 2021 às 7:38 am #

    Infelizmente Valença elegeu um cara que nunca foi amigo do saae. Quando vereador sempre fez duras críticas ao saae e a seus funcionários. Agora como prefeito colocou um amigo dele pra ser diretor que não tem disposição pra fazer nada que vá de encontro ao propósito de jairo, principalmente com respeito a privatização. O atual diretor diz sim a tudo que Albertino decide. Enquanto Albertino estiver trabalhando no saae o saae nunca evoluirá e nunca oferecerá um bom serviço porque as mudanças necessárias precisam passar pelo crivo dele. O saae não passa por um bom momento, mas tem como melhorar. A instituição tem potencial, pertence ao município e precisa continuar sendo do município. O que precisa é aposentar logo quem tem sido empecilho e dar lugar a alguém que realmente trabalhe em prol da empresa.

  4. Edson F dezembro 23, 2021 às 11:58 am #

    Não dá pra comparar essa figura que governa Valença com o Médici do Maquiavel…ainda assim o político ideal do Maquiavel tem posturas que nem de longe esse que tá na prefeitura tem. Pobre do próximo prefeito que não vai poder usar o SAAE para prometer cargos. Empresas públicas são ineficientes por natureza, afinal o Estado é péssimo gestor e gastador, afinal usa mal os recursos financeiros que são inesgotáveis e nunca faltam (impostos).

  5. Eleitor dezembro 24, 2021 às 6:46 pm #

    Quem vai sofrer se o SAAE for para às “garras” da iniciativa privada são os consumidores do municípios e da zona rural.

  6. Notícia boa dezembro 26, 2021 às 8:38 am #

    Quando vejo notícias sobre a privatização, fico muito feliz! Não é possível que a sociedade ainda não tenha entendido que o estado é muito burocrático para cuidar de negócios!
    A título de exemplo, fiz uma solicitação de ligação de água em Valença e uma ligação de Luz na ilha de Boipeba, e pasmem a coelba demorou 7 dias para ir em Boipeba e o saae demorou 45 dias para ir no imóvel aqui no sede do município, fica a pergunta, como pode uma empresa desta ser patrimônio do povo?
    Outro bom exemplo é a privatização dos cartórios que mesmo que tenha aumentado o valor dos serviços, o cidadão hoje não precisa mais perder o dia trabalho e é muito bem atendido( quando estatal era muito maltratado)

    Essa conversa de empresa Patrimônio do povo, serve apenas para manter o servidores públicos sem compromisso com ‘os patrões ‘ com bons vencimentos e para político indicar cargos!

Deixe um comentário