PREFEITURA DE VALENÇA NA ROTA DA POLÍCIA FEDERAL, SERVIDORES DENUNCIAM FRAUDES DE MAIS DE R$ 2,5 MI EM PROCESSOS LICITATÓRIOS

Servidores do município de Valença entraram com representação no MPF e TCM denunciando desvio de mais de R$ 2,5 mi por fraudes em licitações da prefeitura municipal. As manifestações foram, protocoladas pelo MPF e TCM.

Os servidores do município de Valença, Fábio Santos da Paixão e Luis Inácio de Souza Filho, apresentaram notícia crime ao MPF e TCM contra o gestor Jairo Baptista e o procurador do município Fleuber Ramos Barbosa quando identificaram fortes indícios de fraudes em alguns processos licitatórios e que foram determinantes para que a municipalidade realizasse vários contratos e diversos pagamentos indevidos em favor de algumas empresas que não detinham capacidade técnica, financeira e operacional para prestar os serviços, bem como, há diversas irregularidades na documentação apresentada, acompanhada de pareceres da procuradoria jurídica com tendência a abrir caminho para contratações e que serviram de base para de forma forçada ou artificial direcionar o município de Valença para firmar vínculo contratual com as empresas Transparência Assessoria Contábil Ltda, Via Br Locações e Serviços Ltda, Ricardo Casali Simões Eireli, causando lesão ao Erário Público Municipal no valor de R$ 2.548.188,55.

Sem comentários.

Deixe um comentário