“DALVA SELE É LADRA E MARGINAL”, DETONA WAGNER

dalva

O governador Wagner não poupou a “delatora de mentiras” e disse que até agora a única pessoa envolvida nesse caso é a própria

O governador Jaques Wagner detonou a delatora de suposto esquema de desvio de dinheiro do Instituto Brasil, Dalva Sele Paiva, de que sua ONG servia para desviar dinheiro para formação de caixa 2 para campanhas do PT, inclusive a do candidato do partido ao governo do Estado, Rui Costa, que foi postulante a deputado federal em 2006.

“Ela efetivamente é uma ladra e é réu confessa, porque ela colocou lá (em denúncia publicada pela revista Veja) que roubava. Para desculpar o que roubava, ela está dizendo que deu dinheiro para A, para B, para C, aí eu não sei. Ela tem que provar, aonde ela deu”, disse Wagner em entrevista ao Blog do Anderson.

E o governador continuou: “Até agora só tem uma marginal nessa história, só tem uma pessoa fora da lei: ela, que já está sendo investigada pelo Ministério Público estadual, tem 17 processos e estranhamente, exatamente quando sai essa publicação de uma revista que se especializou em falar mal do PT, porque não gosta da gente, porque a gente governa para os mais carentes e não só para os barões, estranhamente essa mulher pagou dois anos de condomínio atrasado, comprou passagem para ela e um filho viajarem para Europa e por aí vai”.

Jaques Wagner disse ainda que não é surpresa que Dalva Sele esteja sendo investigada pelo Ministério Público da Bahia (MP-BA), por ela ser uma “trambiqueira” que “fazia prestação de contas com nota falsa”. (247)

10 Respostas para “DALVA SELE É LADRA E MARGINAL”, DETONA WAGNER

  1. jailton setembro 28, 2014 às 9:17 am #

    Nenhum petista tem moral pra falar de ninguém

  2. Ricardo Hage setembro 28, 2014 às 12:58 pm #

    O PT Partido do Trabalhadores é o partido que teve coragem de criar a CGU, de manter o MP capaz de investigar, é o partido que os dois presidentes não influenciaram na PF, é o único partido no Brasil que é formado, por: pessoas de todos os níveis intelectuais, sociais, culturais, filiamos companheiros pela sua historia de luta independente de cargo, saldo bancário, sexo, endereço, cor, cargo, religião, etc. Temos orgulho de ser PT, de fazer parte da historia politica do Brasil que criou o Bolsa Família, que fortalecemos os sindicatos (antes descriminados e perseguidos), O SAMU, o Minha Casa Minha Vida, de gerar em 12 anos 20 milhões de novos empregos, de manter uma reserva cambial hoje de mais de 380 bilhões de Dólares, de tirar 40 milhões de pessoas da linha de pobreza reconhecido pela ONU, de criar o PROUNI, o PRONATEC, de criar as cotas nas universidades para negros, índios e pardos, de manter o salario mínimo acima da inflação durante os 12 anos de governo Lula e Dilma, de valorizar a Mulher, os Jovens e o trabalhadores como nunca na historia do Brasil. Quem não gosta do PT deveria se reciclar e buscar construir uma outra alternativa melhor do que a que o PT construí e evidencia em todos os dados oficiais tanto no Brasil como na ONU. Ricardo Hage PT com muito orgulho!

  3. aspone setembro 28, 2014 às 3:48 pm #

    Não fez mais que sua obrigação constitucional. Hasta la vista. Dá o lugar pra outro. Quando o marido ou a esposa morre ou separa dá o lugar pra outro então chispa. By by. Tchau. Té logo. Adeus. Fui. Kkkkkkk AGORA É MARINA 40!

  4. XPTO setembro 28, 2014 às 6:35 pm #

    Pois eu acho o contrário: qual foi o partido brasileiro no poder que, em lugar de esconder seus problemas, cortou na própria carne e aceitou até injustiças (como a prisão injusta e arbitrária de Genoíno) em nome do combate da corrupção? E no frigir dos ovos, que realmente está envolvido nos piores escândalos que passou a nossa república, recentemente? Desconsiderar isso (eu repito) ou é ingenuidade ou má-fé.

  5. roberto carlos setembro 28, 2014 às 10:37 pm #

    AGORA DALVA É LADRA E MARGINAL!!!….E O RESTO DO PT SÃO RECEPTADORES….AS PENAS PELOS CRIMES SÃO OS MESMOS…O PIOR É QUE ROUBARAM DINHEIRO QUE SERIAM PARA OS MAIS NECESSITADOS COMO PREGA OS PETISTAS.

  6. cintia setembro 29, 2014 às 3:44 pm #

    Esse xpito é às!

  7. tiririca setembro 29, 2014 às 9:16 pm #

    todo mundo acha que são os órgão fiscalizador que estão desmascarando com a corupcao eu não concordo por que pra mim quem tem o papel fundamental é a imprensa pois foi quem sempre troucem os casos dai que não tem pra onde correr a exemplo essa delação premiada da Petrobras alguns deputados exigiram do procurador e TJ os documentos já existentes nas mão deles afim de que divulgassem alguma coisa já investigada antes da eleição porem tal não aceitou enviar para CPI em tao eu acho que o que tem ajudado ainda são os meios de comunicação

  8. XPTO setembro 30, 2014 às 3:35 am #

    Tiririca, vamos ser sincero: acaso foi a imprensa que “descobriu” o escândalo do trensalão? O mensalão mineiro? O mensalão do DEM? A privataria tucana? Máfia dos Sanguessugas? Foi a imprensa que fez a Operação Satiagraha? Se olharmos bem, os “escândalos” que a nossa “imprensa” (no caso, os feudos midáticos que temos, para diferenciar do jornalismo independente) tanto incensou foram bem factóides hiperdimensionados com o objetivo claro de se atacar um grupo político bem particular. Fez-se um escárceu enorme conta a tal AP 470 e se permitiu inclusive fraudes jurídicas e a aplicação de injustiças que nos desmoralizam. E, no entanto, os demais escândalos (com montantes de dinheiro bem maior) a mesma imprensa ficou leniente e não fez a cobrança “cívica” necessária. Cadê a mobilização contra o mensalão mineiro? E o escândalo do metrô paulista? Quer dizer que só existe a aplicação da (retrógrada) lei do talião contra UM ÚNICO escândalo nesse país? Mesmo a questão da “delação premiada” que ultimamente se fala há uma grande inconsistência: como algo corre em segredo de justiça e, no entanto, declarações cirurgicamente pinçadas aparecem exatamente na revista mais desmoralizada do país? Por favor, respeitemos a inteligência alheia, pois a última coisa que nossa imprensa (melhor dizendo, os feudos midiáticos), “tão incensada” foi realmente ser republicana e cívica nesses casos. Antes, agiu da forma mais canalha e golpista possível quando o assunto é escândalo – e o caso da seca em São Paulo é eloquente, com a blindagem que Geraldo Alckmin tem em nunca ser apontada pelo erro de sua gestão, colocando a cidade mais rica do país nesse estado de calamidade.

    Agora, verdade seja dita, qual foi o governo brasileiro que permitiu que um ministro que fazia parte do núcleo mais central do poder fosse preso, por ter a leve suspeita de estar envolvido em um escândalo? Em qual gestão vimos Paulo Maluf ir para cadeia? Em qual gestão o procurador geral da república agiu como manda realmente a sua obrigação e realmente foi a fundo nas investigações, sem engavetar? Em qual governo a Polícia Federal teve liberdade de agir, mesmo que isso fosse colocar o governo em maus lençóis?

    Apenas analise bem os fatos, indo além da superfície. Verá que os elogios que você tece à imprensa tem outro destinatário, a Polícia Federal que pode atuar dentro de um governo realmente republicano, democrático e popular – que a imprensa faz questão de mostrar ojeriza e tanto contribui para desestabilizá-lo.

  9. aspone setembro 30, 2014 às 9:29 am #

    Como se diz no popular é o mesmo mané luiz. Todo administrador publico não faz favor nenhum a ninguém. Primeiro que não está lá de graça. E todas as ações positivas são de obrigação deles conforme a constituição federal. Portanto não devemos nada à sarjento Dilma e cia ltda. Um abraço e até nunca mais. Vamos junto com MARINA40!

  10. XPTO setembro 30, 2014 às 11:48 am #

    E quem disse que falei em favor de administrador público? Agora, entre o administrador que cumpre sua função (como DILMA 13) fez e os que não fizeram. Agora, será que Blablárina fará? Ou fará o velho jogo de engavetar as denúncias? Entre que escreve-e-apaga, ou nunca fez quem foi governo e que QUEM FAÇA quando é governo, prefiro continuar com QUEM FAÇA. Prefiro continuar a capitã de um time que deu certo: DILMA 13!

Deixe uma resposta