MORRE PORQUE O CRIME É ORGANIZADO

ORGHANIZADO No mundo do crime é assim: “A Cesar o que é de Cesar”. Com essa frase não quero hoje defender, nem tampouco fazer apologia ao crime organizado, mas quero dizer que os bandidos estão agindo dentro das suas leis quando executam outras pessoas. É uma pena que os seus tribunais não divulguem quem será morto e porque foi morto, mas com certeza, quem vai morrer sabe por que morreu.

O caso do rapaz que foi assassinado no Bairro da Graça em Salvador, dentro de um táxi, e que todos ficaram apreensivos pelo fato do crime ter sido cometido num bairro nobre de Salvador, foi apresentado como uma pessoa que respondia a processo por tráfico de drogas. Não tem inocente sendo morto por bandido do crime organizado, a não ser alguns que são mortos por meliantes irresponsáveis, que roubam para comprar droga.

Continuo tendo medo de andar nas ruas de Valença ou qualquer lugar do Brasil, sei que a violência está por todos os lugares.

Entra no mundo do crime quem quer, usa droga quem quer, as conseqüências todos sabem quais são. Não quero dizer que os bandidos estão certos em matar pessoas, mas sempre foi assim a briga pelo dinheiro, quem vende quer receber e mesmo que tenha vendido algo lícito ou não.

É uma pena que depois temos que ouvir mães dizer: “Ele não quis ouvir meus conselhos”. Mas tenha certeza de uma coisa, bandido não mata inocente.

3 Respostas para MORRE PORQUE O CRIME É ORGANIZADO

  1. Refem agosto 30, 2011 às 2:31 pm #

    A polícia está trabalhando hoje na Bolívia; creio que seja por anteceder a visita do governador forasteiro a nossa cidade, pois tantos jovens foram executados e só agora foram sair do “stand by”. Depois do dia 6 tudo voltará como antes…

  2. marcos agosto 30, 2011 às 5:14 pm #

    Enquanto isso ainda tem quem anda fora da lei e quer se passar por vítima. Quem dera em Valença também agissem com força contra quem está “fora da lei”, ai nem seria preciso agressão. Mas, o que vemos é “fazemos que não vemos e que trabalhamos”. Mas se o governador vem ai corro atrás do prejuizo para mostrar serviço. Pena que o Papa não vem a Valença, ai a cidade virava a mais pacífica e linda do Brasil. Pelo menos até a vinda dele.

    Coronel Adelmário Xavier comenta denúncias de motoristas
    30/08/2011 15:09

    O comandante do 14º Batalhão, Adelmário Xavier, respondeu a algumas denúncias de motoristas de vans, acerca da ação da polícia na época em que o transporte coletivo estava sendo implantado. Segundo alguns deles, os policiais chegaram a algemar e agredir um dos motoristas que estava atuando em carro clandestino; as denúncias foram feitas inclusive na sessão da Câmara de Vereadores nesta segunda-feira (29).
    Segundo o coronel, não houve agressão, mas sim força física para imobilizar uma pessoa que se recusou a respeitar a ordem judicial, “quando a força física é suficiente para conter a pessoa e levá-la até a delegacia, está tudo dentro da lei”, mas, segundo Xavier, se o fato for extrapolado, a pessoa deve procurar o coordenador do batalhão para que se apure.
    O comandante ainda comentou que ele não foi procurado por nenhuma das pessoas que acusaram os policiais na sessão e assim fica difícil investigar o que realmente aconteceu, pois se houve algum comportamento inadequado dos militares, é necessário que haja a punição dos mesmos.

    http://www.blogdovalente.com.br/index/blog/id-37603/coronel_adelmario_xavier_comenta_denuncias_de_motoristas

  3. Prof.Francisco Neto agosto 30, 2011 às 6:18 pm #

    Prezado amigo Refém, não é isso não, a polícia está trabalhando hoje na bolívia, pois é fruto de invesigações que vem sendo feito, pelo Setor de Investigação, já a algumas semanas,inclusive hoje por incrivel que pareça os agentes da polícia civil da Bahia fizeram uma paralisação no Estado,contudo a polícia Civil de Valença, sabendo das necessidades de nossa sociedade, empreedeu esta diligência e adentramos o manguezal para buscarmos esses bandidos que estão pondo terror em nossa cidade, roubando, traficando, ameaçando e matando.

    É o compromisso e obrigação das polícias.

    Grande abraço a todos

Deixe um comentário