UM SONHO QUE NOSSOS POLÍTICOS NÃO DEIXAM REALIZAR

image

Este é o diploma de Sérgio Ferreira Pinto Júnior, um garoto que tinha um sonho de ser alguém na vida, um médico, um advogado ou até mesmo um ambulante. Mas acabou como bandido. Na semana passada foi alvejado por um “atirador de elite” no Rio de Janeiro. Toda a sociedade o condena agora, achando que só ele tinha culpa por ser um fora da lei. Mas a mãe de Sérgio disse que o filho andava desanimado sem conseguir emprego. Disse que ele não gostaria de ser bandido, mas não conseguia ter uma vida digna, não conseguia um emprego, ai optou pelo crime. Para esse tipo de trabalho não precisa pedir a alguém.

Atribuo a culpa de tudo isso aos nossos políticos, que não criam condições para essas pessoas, e insistem em tirar mais ainda desses pobres coitados, roubando os cofres públicos, fazendo conchavos com empreiteiras para construir obras e tirar suas propinas, desviando dinheiro que nos é dado para o social. E eles usam para comprar bens de valores, fazer viagens para o exterior com seus filhos esposas e amantes. Não bastasse as regalias que já têm.

Criam seus laranjas para roubarem descaradamente o que pertence a Sérgio, Antonio, Jonas ou Maria. A eles não interessam se roubam das pessoas e essas pessoas se tornam marginais pelo que lhes tiraram. Marginais esses que depois assaltam e até mesmo matam os filhos desses canalhas políticos. Que depois choram a perda do seu ente querido, alegando que foi um demônio sem coração que tirou aquela vida. Não sabem eles que quem formou aquele bandido foram eles mesmos, os políticos?

4 Respostas para UM SONHO QUE NOSSOS POLÍTICOS NÃO DEIXAM REALIZAR

  1. omega red setembro 29, 2009 às 12:41 pm #

    SE ELE MATASSE A REFEM A HISTORIA SERIA OUTRA.NÃO SEJAMOS HIPOCRITAS: BANDIDO BOM É BANDIDO MORTO!NÃO SÃO SOMENTE OS POLITICOS QUE DEVEM RECEBER A CULPA, A SOCIEDADE TAMBEM É CULPADA QUANDO DESCRIMINA UM NEGRO COM PASSAGEM NA POLICIA E FAVELADO. NINGUEM AQUI SE PREOCUPA SE O VIZINHO ESTA COMENDO OU NÃO. QUEREMOS O NOSSO PRATO CHEIO.

  2. Lúcio Cardoso setembro 29, 2009 às 11:36 pm #

    Caro Pelé,

    agora a noite aconteceu uma tentativa de roubo na porta de nossa academia. Um rapaz tentou tomar o celular de uma mulher, vimos em tempo, pegamos o telefone de volta e seguramos o “meliante” até a polícia chegar e levá-lo.

    Vou te confessar, fiquei com pena do cara, não consegui ter raiva.

    Depois que o dominamos, ele inclusive sem esboçar resistencia, apareceram alguns valentões querendo bater no rapaz. Fiquei com raiva foi desses covardes.

    A verdade é essa ai do seu post, esses jovens são muito mais vítimas do que culpados.

    Os verdadeiros bandidos, continuam roubando nossa nação e seguem impunes.

    E não são só políticos!!

    Na minha opinião, todo o esquema é podre.

    Grandes empresários, o judiciário, legislativo, executivo…

    Estes sim, eu queria ver um dia apanhando da policia e sendo jogados na traseira de um camburão.

    Abraços.

  3. Magno Jouber (Jornalista) setembro 30, 2009 às 11:25 am #

    Concordo em parte com o seu comentário, mas existem muitas pessoas que batalham, correm atrás e são vítimas desses bandidos que alegam falta de oportunidade para cometer as maiores barbaridades.
    A SOCIEDADE JÁ NÃO AGUENTA MAIS TANTA VIOLÊNCIA.
    “Já sinto no ar que o copo está cheio e que já não dá mais para engolir”.
    CHEGA!

  4. pelegrini setembro 30, 2009 às 1:40 pm #

    É verdade meu caro jornalista, como você mesmo diz: “CHEGA!”. Mas eu só quero fazer as pessoas entenderem que quem criou essa situação não foram os marginais, ninguém nasce bandido, nenhum pai por mais criminoso que seja não deseja ao filho o mesmo destino dele. É necessário também esclarecer que quanto mais aumenta os políticos ladrões, na mesma proporção aumentam os bandidos. Então não precisamos ter que abater bandidos para diminuir o numero, temos que combater primeiro a corrupção no país. Dai nascem os bandidos.

    Obrigado por seu comentário.

    Abraço,

    Pelegrini.

Deixe um comentário