SERÁ QUE ESTÃO ESPERANDO UMA REVOLTA POPULAR PARA CONCLUÍREM O HOSPITAL DE CAMPANHA EM VALENÇA?

Hoje eu vi um vídeo feito pelo repórter Isaias Nascto, onde ele mostra a fachada de onde deveria ser o Hospital de Campanha de Valença e diz que até o momento (26/06) não está funcionando.

O que me impressiona é que, hoje (26), o Boletim Epidemiológico da cidade registra 532 casos de coronavírus, com 15 óbitos, 11 internados e mesmo assim não se vê ninguém se empenhar em concluir o hospital.

Todo mundo sabe que esse hospital já deveria ter sido concluído e me parece que a gestão pouco está se preocupando com isso. O governo federal mandou dinheiro, o deputado federal Raimundo Costa fez emendas e mesmo assim existe uma lentidão, dessas que mais parecem de propósito.

Até o momento foram registrados 15 óbitos por coronavírus, sabe-se que tem mais pessoas mortas pela doença, a espera do resultado só para confirmar a causa da morte. Muitas pessoas ainda vão morrer pela falta que esse hospital está fazendo.

E sabem porque não está pronto? Porque quem mais precisa dele são as pessoas mais pobre, vejam se tem algum rico contaminado de coronavírus esperando para se internar nele.

É irresponsabilidade, incompetência, descaso ou negligência? É tudo junto. E sabem porque eles não estão nem aí? Poque não atingiu alguém de influência, ou alguém que se revolte pela morte de um parente.

Enquanto isso, as cidades de Cairu, Ituberá, Nilo Peçanha, Igrapiúna, Camamu e Taperoá, registram menos mortes porque se uniram e fizeram seu hospital de campanha.

Sem comentários.

Deixe uma resposta