DJ ADILTON DISSE QUE ASSESSOR DA PREFEITA IONÁ NÃO SABE DE NADA

105_0271O DJ Adilton, aquele que acusou a prefeita de Camamu de caloteira, nos procurou, disse que queria esclarecer algumas coisas. Ele disse que o assessor da prefeita, Ioná Queiroz, não sabe de nada, que ele está há apenas alguns dias com a prefeita e que os débitos que a prefeita fez com ele é acumulado desde a campanha de prefeito, ou seja, desde 2008. Esclareceu também que não é empregado de Claudio, como disse o assessor, mas que tem uma parceria com o empresário dono da Art Cor, tem um som avaliado em mais de R$ 150.000,00 também em parceria com Claudio. Ele disse que vem fazendo trabalhos para a prefeita Ioná há muito tempo, citou alguns eventos fortes na cidade, assim como o dia das mães e também o São João, incluiu entre esses eventos, 2 comícios com o governador Jaques Wagner, um antes das eleições e outro depois.

Adilton disse que cobra o débito da prefeita porque tem a parte dele e também tem carta branca de Claudio. Se alguém se interessar pela relação de eventos que fez para a prefeita, é só pedir a ele. Adilton falou também que o único dinheiro que recebeu até hoje da prefeita, de um total de mais de R$ 109.000,00  foi apenas R$ 5.000,00 pagos pelo seu esposo, em dois cheques de R$ 2.500,00 emitidos pelo mesmo, que foram para as datas 15.01.2010 e 15.02.2010.

O DJ disse ainda que conseguiu espaço na televisão num desses programas populares de audiência na Bahia e irá denunciar a prefeita no ar.

Uma resposta para DJ ADILTON DISSE QUE ASSESSOR DA PREFEITA IONÁ NÃO SABE DE NADA

  1. As Meninas da FACOM agosto 30, 2010 às 2:50 pm #

    As Meninas da Facom
    ago 30th, 2010 em 11:24 am
    Caro Sr. Joao corujao, sem “~”… Apesar de não conhecer a geografia da sua cidade, vejo que o Sr. Também não conhece, pois ignora que da localidade do Entroncamento de Valença para a sede possui exatamente 55 km e para um estudante se deslocar ao seu colégio, no caso, o COESVA, precisará de caminhar 110 km… Isso é uma questão de matemática elementar, não é mesmo?

    Mas essa informação não caiu de “para quedas”, ela foi denunciada por Antonio Andrade, morador da referida localidade na época que Cláudio, então prefeito tapetão cortou o transporte escolar e devido à longa distância, muitos alunos deixaram de estudar e almejar uma vida melhor para si e suas famílias. Ele comentou indignado, pois o ex-prefeito agora é um neopetista. Andrade que sempre foi militante de carteirinha do PT mostra-se perplexo com essa adesão de tão baixo calão.

    Apesar das agruras, seus pais com muito esforço conseguiram pagar o transporte escolar e hoje ele é um estudante do curso de Agronomia da UFRB, mas muitos dos seus colegas não tiveram esse êxito devido a esse prefeitinho tapetão e ficaram pelo meio do caminho.

    Esse relato pode ser atestado por Raell Costa, colega de Andrade que presenciou essa barbaridade com os estudantes. Raell, também do Partido dos Trabalhadores informou ainda que Cláudio, o perseguidor dos estudantes, colocou ônibus e vãs para irem a Salvador provocar o governador.

    Lembro-me de ter lido que o diretor do colégio, o distinto Professor Arandiba também se mostrou contrario a essa atrocidade do prefeitinho tampão.

    A verba destinada ao transporte escolar era de R$1.OOO e o prefeito tampão superfaturava muito mais com utensílios de cozinha, tais como colher de pau, azeite de dendê, dentre outros…

    Esse é o prefeito que vc e Fred defendem… Vocês se merecem, quem não merece é Valença e muito menos os estudantes… Aposto que seu filho não precisou do transporte não é mesmo? Pois é, o que não me atinge, não me interessa, não é mesmo? Danem-se os outros… Enquanto o brasileiro pensar assim, esse país será governado por déspotas!

    Saudações,

    As Meninas da FACOM ou QUEM NÃO AGUENTA, NÃO INVENTA!

Deixe uma resposta