MULHERES DO BAIXO SUL ADEREM A ATO CONTRA BOLSONARO

JBS – Iniciadas nas redes sociais, movimentações reunindo milhares de mulheres contra o candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL) estão marcadas para ocorrer em diversas cidades no próximo dia 29/09. Em todo o Brasil, há pelo menos 42 atos marcados pelo Facebook para o dia 29, em 20 estados e no Distrito Federal. Mulheres de Valença, bem como de diversas cidades do Baixo Sul, também somaram-se ao movimento apartidário e prometem fazer um grande ato com saída marcada da frente da Igreja da Lapa às 16h.

A organização dos protestos ganhou força com o grupo no Facebook “Mulheres unidas contra Bolsonaro”, que em uma semana reuniu cerca de 2 milhões de mulheres críticas ao militar reformado de ultradireita. A rejeição de mulheres a Bolsonaro chega a 49% do eleitorado feminino, segundo pesquisa do Datafolha do dia 10/9. Ou seja, praticamente metade do eleitorado feminino (que corresponde a 53% do total do eleitorado brasileiro) não aceita votar nele de jeito nenhum.

2 Respostas para MULHERES DO BAIXO SUL ADEREM A ATO CONTRA BOLSONARO

  1. Leila setembro 19, 2018 às 10:09 am #

    #elenao #elenunca

  2. Mário outubro 1, 2018 às 2:53 pm #

    Bolsonaro, nosso futuro presidente!

Deixe uma resposta