Trio de adolescentes assume comando do tráfico em Vitória da Conquista

image

Os adolescentes “Bibiu”, 14, “Zoi”, 13,  e “Pula”, 12, são os novos “comandantes” do tráfico na periferia de Vitória da Conquista, distante 509 km de Salvador, com a saída de circulação de “Jararaca”, 17.

Apontado como líder de uma facção criminosa no Alto da Conquista, com quatro passagens pela polícia e respondendo a nove inquéritos por roubo, tráfico de drogas, homicídios e tentativas de assassinato, o adolescente se apresentou à Justiça na noite de segunda-feira, 1º, pondo fim a uma caçada humana que resultou em mais de 20 mortes.

Ele foi apreendido e encaminhando ao Centro de Atendimento Socioeducativo, em Simões Filho, Região Metropolitana de Salvador, onde está desde as primeiras horas dessa quarta-feira, 3, sob acusação de matar a tiros o soldado PM Marcelo Márcio, 32, na noite do dia 28.

Buscas – As buscas pelo acusado e seu bando também resultaram no seqüestro de quatro adolescentes, sendo que três continuam desaparecidos e um, Ozéias Belas de Oliveira, 15, foi encontrado morto a tiros. Com “Jararaca” fora de circulação, a população dos bairros que viviam sob o signo do medo garante que a paz voltou a imperar.

“Graças a Deus que ficamos livres dele, mas a polícia precisa saber que existem outros tão ruins quanto esse menino e que precisam ser presos (sic) também”, desabafou uma moradora. “Confiamos em Deus e na Caesg (Companhia de Ações Especiais e Gerais) que é quem tem nos dado segurança aqui no morro”.

Por conta da onda de violência em Conquista, representantes da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), do Ministério Público Estadual (MPE) e da Defensoria Pública encaminharam ao comando do Policiamento Regional Sul quatro pedidos de apuração contra suposta intimidação a integrantes dessas instituições.

Os procuradores da República, Mário Alves Medeiros e Danilo Pinheiro Dias, publicaram portaria para apurar os fatos por meio de inquérito civil público, a fim de “verificar a legalidade de ações policiais e eventuais abusos e desrespeito a direitos humanos”.

Medeiros e Dias disseram que vão aguardar a manifestação das autoridades estaduais “para avaliar a necessidade de solicitar ao Procurador-Geral da República que promova a federalização das apurações”.

Fonte: A Tarde on line.

2 Respostas para Trio de adolescentes assume comando do tráfico em Vitória da Conquista

  1. Dias fevereiro 4, 2010 às 8:45 am #

    direitos humanos so tem pra bandidos, o policial morreu e nem a OAB,promotoria fez nada e so a policial prender vagabundo aparece, sacanagem a policia ta certa olha bem que são os chefes do trafico ai adolecentes, são bandidos perigosos e tem que ser tratado com tal, a bala, o estado não pode ser refem de bandidos e ja ta na hora da dos deputados federais rever o codogo penal esse mostro que os direitos humanos chama de adolecente tem que pagar, pelos atos que pratica, olha so a ficha do jararaca, e foi pra , Centro de Atendimento Socioeducativoesse marginal teria que cai no aço, ou na prisão de segurança maxima, ele vai ensinar os outros no centro a ser pior que eles lugar de bandido e no cemiterio, cobertu com concreto armado pra ter certerza que nunca mais sai…eu queria ver se um anjinho desce pegase um filho ou filha desses caras que devende tanto os direitos humanos(so pra ladrão,traficantes,estrupador)se eles iria colocar no centro Atendimento educativo, com diz o velho ditado PIMENTA NO DOS OUTROS E REFRESCO… PARABENS A POLICIA MILITAR DE VIT. DA CONQUISTA SE Ñ FAZ ISSO O JARARACA JA ESTVA PROMOVIDO A JARACUSUL..

  2. cidadão comum fevereiro 6, 2010 às 10:11 am #

    o batalhão da PM daqui de Valença deveria ter alguns policiais valentes e corajosos pra agir com firmeza pra acabar com alguns perigosos daqui da cidade. Como sugestão, eles poderiam pôr capuz e agir à noite. Eles conhecem quem são e onde estão os perigosos. Vão a eles e dão logo fim aos piores, aos mais perigosos. Fácil, fácil…

Deixe uma resposta