BN DISSE QUE WAGNER É VIZINHO DE ZÉ MARIA MULLER, SERÁ QUE PEGA ALGUMA COISA PRA ELE?

O site BN, fez questão de dizer que o candidato a senado é vizinho do empresário, na certa pra relacionar ele ao crime. Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

Tem certas coisas que precisamos entender porque acontecem, por exemplo: eu leio uma manchete do site Bahia Notícias que diz: “Empresário de concessões é alvo da PF em Salvador; saiba quem”, claro que a manchete lhe aguça a curiosidade e pelo fato do site BN ser um dos mais respeitados no estado, clicamos no link e vamos ler a notícia. Me deparo com uma notícia sem muito valor pra mim, pois não conheço o tal empresário Zé Maria Muller.

Bom, leio a notícia até o final pra ver se consigo identificar o sujeito, porém me dou com uma informação da matéria que me parece não ter nada a ver com a matéria, que diz: “Conforme apurado pelo Bahia Notícias, a PF esteve no apartamento de Zé Maria no Edifício Victoria Tower, no Corredor da Vitória, onde reside também o candidato ao Senado pelo PT, Jaques Wagner.”, pergunto: o que que tem a ver o cu com as calças!? Porque a matéria tem que citar o nome do ex-governador da Bahia que não tem nada a ver com o caso? Só porque mora no mesmo edifício, ou pra estimular ao leitor a imaginar que ele tem alguma coisa a ver com o caso?

Eu acho que, até se Wagner não morasse no edifício e já tivesse passado por ali e tivesse usado o banheiro de algum apartamento, eles iriam dizer: …onde o candidato ao senado pelo PT, Wagner, já usou um banheiro pra dar uma cagadinha.

O que me deixa indignado é que, no final, os meios de comunicação ainda querem dizer que são imparciais.

Continuem a dizer as asneiras de vocês que a gente faz de conta que acredita, mas não vamos deixar de fazer nossa gozação. Não vão dizer que a gente não pode criticar, porque um trem desses, qualquer rabiscador pode falar. É muito tosco!

 

Comentários { 4 }

BOLSONARO INCITA O ÓDIO E QUANDO O BUMERANGUE VOLTA “OS CULPADOS SÃO OS ADVERSÁRIOS”

Com toda sinceridade, não vejo ninguém por aí se digladiando nas ruas, atacando as pessoas, afrontando candidatos ou destilando ódio pelos cantos, como se fazem nas redes sociais. Na verdade, as pessoas só se sentem corajosas mesmo, quando se debruçam sobre o computador.

Prometi a mim mesmo que não faria nenhum comentário sobre o suposto atendado a Bolsonaro, antes disso, fiz questão de bloquear algumas pessoas que votam nesse candidato, para que não fiquem me perguntando porque eu não teci nenhum comentário. Justifico:

Eu não faria comentários favoráveis a Bolsonaro, e como aqui no Brasil tem muita gente que gosta de pensar por nós, preferi me calar.

Agora o que me deixa admirado é que, quando as pessoas duvidam da peixerada e desejam má sorte ao Bolsonaro, logo em seguida vem uma avalanche de defensores que se dizem humanos e que tem amor ao próximo e questionam: “são essas as pessoas que se dizem defensoras dos ,direitos humanos?”, “qual o prazer de ver a desgraça dos outros?”, “é essa a esquerda do Brasil?”.

Pior é que o Bolsonaro não se preocupa com esse lado humano que seus eleitores cobram dos seus adversários.

Recentemente, no Acre, ele pegou um objeto como forma de metralhadora e disse que iria metralhar os petistas de lá (confira no vídeo abaixo). Ninguém falou nada, ninguém comentou nada e até deram risadas. Se os repórters lhes questionam da sua atitude ele diz que é brincadeira. Quando ele larga o ódio contra seus adversários é brincadeira, mas quando os adversários atacam o “capitão”, é desumanidade.

A verdade é uma só, se Bolsonaro pudesse ganhar essa eleição tudo iria estar mil maravilhas, mas como os próprios institutos de pesquisas dizem que será difícil ele ganhar pra qualquer um, ainda viveremos um inferno político por longo tempo. Assim como Aécio fez, após o final da eleição, contra a presidenta Dilma.

Comentários { 5 }

VALENÇA PERDE A ALEGRIA E O AMOR DE UM GRANDE HOMEM. ADEUS, SEU EDSON!

Seu Edson entre as filhas, Vane e Gal

Hoje eu acordei com uma triste notícia, a assessoria de comunicação do deputado Hildécio Meireles informou sobre o falecimento do senhor Edson Nery Lemos. Uma pessoa que eu conheci aqui em Valença nos anos 80, tornou-se meu amigo e eu tinha uma verdadeira admiração por ele.

Pra quem não conheceu o senhor Edson, ele era uma pessoa de coração enorme, bom amigo, só o víamos alegre e sorridente. E prá quem gosta de histórias de Valença, aqui fica um pequeno registro de uma passagem dele comigo.

Seu Edson era uma pessoa que só tinha amigos, os inimigos nasceram mortos. Pra provar o tamanho do coração desse cidadão, lembro dessa passagem: uma certa vez, num momento em que tomávamos “uma” em um certo boteco de Valença, uma senhora o chamou num canto e lhe pediu algo, ele deu uma volta de 360º, pegou o copo virou a dose e disse: “me aguardem que vou aqui numa emergência, mas volto”, seu Edson saiu e com meia hora depois voltou com umas quatro sacolas cheias de mantimentos, eu disse: demorou. O que o senhor foi fazer? Ele respondeu: “fui no supermercado comprar uma lata de sardinha pra moça que me pediu”, eu retruquei: o senhor foi comprar uma lata de sardinha ou comprou o estoque da prataleira do supermercado? E ele: “você sabe, nosso povo é muito humilde quando pede, eu tenho certeza que na casa dela falta muito mais que uma lata de sardinha”. Conhecia os problemas do povo e por isso todos gostavam dele.

Em outros momentos já vi seu Edson ajudar muitas pessoas, tudo isso sem fazer cara feia, sempre sorridente e feliz. Tinha corpo de bailarino espanhol, vestia-se de forma elegante, andava de óculos escuro e terno branco.

Seu Edson era um cabo eleitoral dos bons, sabia conquistar as pessoas, alguns já se elegeram por causa da força política que ele tinha, sabia conquistar. Isto vai fazer muita falta, pra muita gente.

É uma pena seu Edson, que tantas pessoas estavam próximas do senhor e poderiam aprender a ser humildes como o senhor foi, infelizmente, é como diz o ditado: “os dedos das mãos estão perto um do outro, mas não são iguais.

Segue com Deus seu Edson, nunca mais eu o tinha visto, mas sempre me lembrava e perguntava pelo senhor.

Adeus, seu Edson!

Comentários { 0 }

CADA ANO QUE PASSA ENTERRAM UM POUCO DO 7 DE SETEMBRO

Algumas escolas mostram que pode-se fazer uma grande festa cívica

As vezes eu fico sem compreender porque o poder público não dá atenção à altura ao nosso povo. Vendo o desafile do 7 de Setembro, observo como as pessoas ainda acreditam que as coisas vão melhorar, explico: Hoje, tinha pelo menos umas dez mil pessoas nas ruas da cidade, pessoas que saem na esperança de ver um desfile cívico bonito, harmonioso, organizado, patriótico, mas o que se vê é o descaso dos órgãos competentes que não organizam uma coisa boa para se apreciar.

O povo se frustra desde o momento em que vê à frente dos desfiles cívicos a comitiva política do prefeito, que carrega ao seu lado um bando de coisinhas com cara de patetas, acenando para o povo, e com aquele sorriso de canto a canto de boca, escondidos numa hipocrisia que não tem tamanho.

Em seguida vem os desfiles dos funcionários das secretarias da prefeitura, que até hoje ninguém sabe porque eles desfilam, pois antigamente eram só as escolas que participavam desses desfiles, e hoje, na certa com a vontade de encher as ruas, porque não incentivam as escolas a desfilar, daí manda os empencados fazerem a vez. Ridículo!

Depois vem os desfiles das escolas. Na verdade o povo queria mesmo era ver a avenida organizada para apreciar um grande desfile, com a PM, o TG, as fanfarras e por fim: as escolas. Mas isso não é e nunca será uma prática só do prefeito Ricardo Moura, há muitos anos se fazem esse tipo de coisa, que infelizmente fica parecendo um show de anarquia ao nosso “7 de Setembro”.

Esse ano ainda fizeram um percusro diferente, o desfile ficou todo do outro lado da ponte, sairam da Policlínica e encerraram na Orla, precisamente em frente a antiga Cooperativa de Pesca de Valença.

Muita gente condena, mas a maior atração do 7 de Setembro, foi o movimento político que o deputado Marcos Medrado fez, juntamente com um candidato a deputado estadual.

Comentários { 6 }

O DEPUTADO ROSEMBERG “DINÁH” PINTO DEU ATÉ PRA FAZER PREVISÕES DE SEUS PARES EM RODINHAS DE FOFOCA

Rosemberg Pinto que não goza de simpatia em lugar nenhum aqui na região, anda fazendo previsões de quem se elege e quem não vai ser eleito na AL. Com certeza os votos devem esta “indo” pra ele

A “grande autoridade em política ” da Bahia, o deputado Rosemberg Pinto, anda falando nos quatro cantos do estado que pocará de votos nessa eleição, na passada ele teve pouco mais de 83 mil votos e disse que dessa vez terá mais de 120 mil, e que por isso o governador Rui Costa prometeu que no próximo mandato a vaga de presidente da AL será dele.

Quanta pretensão desse deputado.

Se não bastasse andar dizendo que terá votação expresiva e será o próximo presidente da ALBA, ainda fica dando opiniões sobre as campanhas dos seus adversários. Eu soube que no domingo (02), onde o deputado Marcos Medrado fazia uma visita na zona rural de Taperoá (evento o qual ele pegou ponga), numa rodinha de fofocas ele andou comentando que o deputado Hildécio não sairia de Vitória da Conquista com mais que 2 mil votos, e que ainda não conseguirá se eleger, alegando que a chapa do deputado só elege um único candidato.

Deve ser uma espécie de Mãe Dinah.

Mas dá forma que ele faz política aqui na região não creio que consiga repetir a votação que teve na eleição passada, pois uma das formas dele tentar se eleger é perseguindo os próprios correligionários, não vamos esquecer o caso Cassinha, onde ele pediu ao governador para demitir uma mãe de família da Secretaria de Educação para colocar outra pessoa que nem precisa do emprego, nessa vaga. Ele fez tudo isso por causa da promessa de 10 votos.

Deve pocar é de vergonha.

Comentários { 3 }

TOINHO VAI LEVAR ABRAÇO A HILDÉCIO NA INAUGURAÇÃO DO SEU COMITÊ

No sábado (01), o deputado Hildécio Meireles inaugurou seu comitê central na cidade de Taperoá. Muitas lideranças políticas estavam no local, assim como Flávio, dr. Everardo, Mário César e o vereador Tchay, além de líderes comunitários da cidade, mas o que mais deixou as pessoas surpresas neste evento, foi a presença do maior líder político de Taperoá, o ex-prefeito Toinho do Banco. Muitas pessoas questionando: “será que Toinho vai apoiar Hildécio?”, ninguém pode afirmar, porém todo mundo sabe que existe uma grande amizade entre os dois políticos e Toinho já havia dito que nunca atrapalharia Hildécio em sua caminhada por Taperoá.

Toinho foi dar um abraço no amigo Hildécio e aproveitou para demonstrar seu republicanismo

Isso quer dizer que, Toinho apoia Hildécio indiretamente e isso só demonstra a grandeza desse grande líder, que é Toinho do Banco.

Comentários { 3 }

ROGER GUERREIRO ENFRENTA O ARGENTINO JUAN MANUEL WITT, AMANHÃ (31), EM SANTA CRUZ DE LA SIERRA, BOLÍVIA

Hoje falei com o nosso campeão, via Messenger, o boxeador Roger Guerreiro, que se encontra em Santa Cruz de La Sierra na Bolívia, onde disputará o Título Mundial WPC (World Pugilism Commission) na divisão Welter Junior com o campeão argentino Juan Manuel Witt, que está invicto. É o primeiro confronto de ambos e prometem “deixar tudo em cima do ringue para levar o título para seu país”. (Com informações de Boxeando.Net)

Hoje Roger fará pesagem e logo depois haverá uma coletiva com a imprensa.

Roger se diz confiante e acredita que quebrará a invencibilidade do hermano, nesta luta que o projetará para um bom ranking.

A luta será amanhã, sexta-feira, o horário ele não nos informou.

Comentários { 0 }

O LIVRO DO “KIT GAY” É UM GIBI ILUSTRADO MOSTRANDO DESENHO DE BENGALA DE GURI

Falou tanto do livro que acabou acreditando que é um catecismo. Ahhhhh, Bolsonaro!

Interessante é que o cara fez tanta pressão que no fim até eu estava achando que havia um livro produzido pelo governo para ensinar às crianças sobre homossexualismo. A culpa é da mídia que não fez isso o que a Folha enfim resolveu fazer agora, desmistificar esse tal de “kit gay”, tão detonado por esse senhor, o Bolsonaro.

O livro do “kit gay”, é um gibi ilustrado que nunca chegou às escolas, pois o MEC nunca adotou

Lembro que cheguei a ir a uma escola para saber sobre esse livro e nenhum professor sabia me explicar, mas Bolsonaro tinha esse tão falado livro do “kit gay” e ninguém nunca tinha vsito. A Folha de São Paulo, enfim, resolveu dissolver a arma maluca dele.

Após tentar mostrá-lo às câmeras e ser impedido pelos apresentadores, sob a justificativa de isso contrariaria as regras estabelecidas na transmissão, o candidato declarou: “Um pai não quer chegar em casa e ver o filho brincando com boneca por influência da escola”.

Mas, afinal, o que diz esse livro infantil? (Leia a matéria completa aqui)

Comentários { 1 }