HÁ DOZE DIAS DE GOVERNO JAIRO SOFRE PRIMEIRA DERROTA NA CÂMARA MUNICIPAL

Aconteceu hoje (12) a segunda sessão extraordinária da câmara de vereadores de Valença desse ano.

Nesta sessão foi votado o projeto de número 001/2021, que autoriza a celebração de convênios junto aos órgãos das esferas Federal, Estadual e Municipal, a fim de que a nova administração possa renovar alguns convênios e contratos em andamento.

O prefeito Jairo enviou o projeto solicitando autorização de 90 dias e os vereadores aprovaram por 8 x 7 duas emendas ao projeto, uma reduzindo o prazo da autorização para 30 dias e outra condicionando as assinaturas de convênios com a supervisão de uma comissão temática da câmara.

Os vereadores deram o recado ao prefeito, segundo informações. Esse é um projeto de praxe e sempre teve a votação unânime sem essas exigências.

Os vereadores que votaram a favor das emendas foram: Reginaldo, Ryan, Lelo, Valdir, Cássio, Benvindo, Cristiano e Isaias.

Comentários { 4 }

PREFEITO JAIRO DÁ DICAS PARA O USO DE ÁLCOOL EM GEL

Na página do Facebook do Prefeito Jairo Baptista, encontramos essa grandiosa ação do gestor, onde ele alerta e dá dicas à população para o uso do álcool em gel e pede bastante cuidado para evitar acidentes. Dentre os mais graves, a queimadura.

Parabéns prefeito! :)

Comentários { 0 }

Rui Costa convida trabalhadores da Ford para participar de grupo de trabalho

Não gosto muito de Rui Costa, tenho minhas queixas quanto às questões políticas. Apesar dele esquecer seus correligionários, não deixo de admirá-lo, por continuar sendo um cara que pensa no povo.

“O governador Rui Costa convidou trabalhadores da Ford para participar do grupo de trabalho que vai buscar alternativas ao fechamento da empresa em Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador. “Precisamos nos unir e trabalhar com equilíbrio, responsabilidade e celeridade para assegurar a manutenção desses empregos e de toda esta cadeia produtiva na Bahia. Nosso grupo de trabalho será formado por técnicos do Estado, por membros da Federação da Indústria da Bahia e também por representantes do Sindicato dos Metalúrgicos”, afirmou o governador na chegada a Capim Grosso, onde cumpre agenda nesta terça-feira (12). A primeira reunião do grupo acontece na tarde de hoje, em Salvador.

Ontem, por meio das redes sociais, Rui Costa lamentou o cenário econômico brasileiro atual, bem como a gestão do governo federal. “A saída da Ford do Brasil significa milhares de desempregados, sendo cerca de 6 mil demissões somente na Bahia. Significa aumento da pobreza em nossa nação. Infelizmente, são centenas de indústrias que vão fechando, semana após semana, já que temos um país que não cuida da sua economia, não garante segurança institucional a seus investidores e não faz as reformas necessárias”, disse o governador em vídeo divulgado nesta segunda. Rui também entrou em contato com a Embaixada Chinesa para sondar possíveis investidores asiáticos com interesse em assumir o negócio na Bahia.”

Comentários { 0 }

Cairu: Reisado de São Benedito completa 411 anos de muita tradição

O prefeito de Cairu, Hildécio Meireles participou neste domingo (10), ao lado da vice-prefeita e secretária de Saúde, Cíntia Rosemberg, do tradicional Reisado de São Benedito. A programação começou com alvorada festiva, missa em ação de graças às 07 horas, missa solene às 10 horas, realizadas no Convento de Santo Antônio, troca da coroa e descida da Bandeira.
Devido a pandemia do coronavírus, todo protocolo recomendado pelo Ministério e secretarias Estadual e Municipal de Saúde foi observado durante o evento.

São 411 de tradição de uma das mais belas manifestações culturais de Cairu. A organização ficou por conta da Secretaria de Cultura.

O dia de São Benedito é 26 de dezembro, mas em Cairu a festa sempre acontece depois, no segundo domingo de janeiro, aproveitando as celebrações da Festa dos Santos Reis.

Participaram ainda do evento, secretários e colaboradores.

Ascom – Prefeitura de Cairu

Comentários { 0 }

CARTA ABERTA A JAIRO BATISTA

*Por Isabella Britto

POR FAVOR, NÃO SANGRE AINDA MAIS A NOSSA CULTURA.

A cultura é todo aquele complexo que inclui o conhecimento, as crenças, a arte, a moral, a lei, os costumes e todos os outros hábitos e capacidades adquiridos pelo homem como membro da sociedade

Caro prefeito, aqui em casa, a Cultura é passada de geração a geração. Dos meus avós aos meus pais. Dos meus pais para mim e de mim para o meu pequeno filho. Graças a luta que vejo os meus pais travarem desde que nasci compreendo e muito sei sobre a Cultura, nada sei sobre ser linha de frente nesses casos até porque acredito que a luta é de um todo e não apenas um, isto faria da Cultura egoísta e se tem coisa que ela não é, Prefeito… é egoísta! Quem vive a Cultura sabe que mesmo quando a gente não deseja mais, ela pulsa e arde nas nossas veias.

Cultura não é uma simples nomenclatura, cultura é a vida. Cultura é quem somos. Cultura é tudo o que emana de Valença para nós e de nós para Valença.

Os bois, o arguidá, o carimbó, as quadrilhas juninas, a melhor idade, a escola de samba da mangueira, a filarmônica, os grupos de dança e ballet, a zambiapunga, a nossa música, o nosso teatro, os artistas da nossa terra levam o que nós somos para todos os cantos e encantos. A Secretaria de Cultura não é apenas da classe artística, é do todo. É quem dá vida desde festejos de Iemanjá até aos cortejos de Nossa Senhora do Amparo. A Cultura representa muito mais do que o povo vê.

Valença é o berço cultural do Baixo Sul Baiano e pelo seu status, pela sua força, necessita que se mantenha valorizada. Os nossos casarões e o nosso Teatro Municipal onde já pisou artistas como Bibi Ferreira… Cadê eles? Como estão? Indo ao chão! Perceba, prefeito, a nossa Cultura já foi demasiadamente machucada e tem suas feridas expostas. A quem viesse e nos batesse… já tivemos alguns muitos, porém, a quem nos desse o olhar de seriedade que a Cultura merece, disso nós ficamos e continuamos em falta.

O último ano já foi difícil o suficiente para todos nós. Ano pandêmico! Se já é difícil sobreviver apenas de Arte em anos comuns, imagine em tempos tão nefastos como os que vivemos em que um vírus colocou em cheque a fragilidade da vida, em que foram necessários auxílios emergenciais e daí, senhor Prefeito, coloco aqui a Lei Aldir Blanc cuja qual o munícipio foi contemplado e ajudou vários artistas e entidades culturais a dar um leve suspiro de vida quando cooptou um pouco mais de 1 milhão de reais que foram distribuídos através do Edital Maestro Barrinha.

Mas, o senhor sabe, prefeito… Valença só conseguiu ser contemplada com a Lei porque tínhamos uma Secretaria de Cultura com CNPJ próprio e capaz de receber os recursos porque a Aldir Blanc, senhor prefeito, só está disponível para municípios cujas Secretarias de Cultura estejam em pleno funcionamento. A Câmara dos Deputados está prestes a liberar uma segunda remessa da Lei e os grupos culturais de Valença ficarão como? Sem ter acesso ao auxílio emergencial destinado à Cultura que salvou o pão de cada dia de muitos?

Sim, eu sou jovem, senhor prefeito. Mas, acompanho a pouco mais de seis anos a luta diária dos meus pais enquanto Conselheiros de Cultura junto aos seus pares para construir, estabilizar e dar autonomia a esta pasta. Foram anos de estudo a Lei Orgânica de Cultura do Estado, do município, dos ditames do MinC para a formação do Sistema de Cultura de Valença e independência da Secretaria, além de várias viagens a Congressos Estaduais e Nacionais, Fóruns de Cultura os quais até meu filho de dez anos é conhecido pelos ativistas aí afora porque nós somos Cultura. Uma família que carrega, respira e pulsa cultura pelas veias.

Nada disso foi feito somente pensando no nosso ego, no nosso conhecimento, mas, principalmente pensando em como isto beneficiaria a nossa cidade e os nossos colegas artistas. Por isso, prefeito, não pense que assistiremos de braços cruzados a queda da Secretaria de Cultura. Não pense que vendaremos os nossos olhos para o que está posto a nossa frente, não pense que jogaremos ao lado a nossa luta diária por anos a fio. Porque nós estamos aqui, presentes! Presentes para com unhas e dentes lutar pelo nosso Patrimônio Cultural Material e Imaterial. Não vamos deixar, Jairo! Não vamos permitir.

Por que sempre que há algum tipo de recessão, aventa-se a possibilidade de restringir o orçamento e Secretaria de Cultura sem dar chance de que os agentes culturais possam trabalhar para mantê-la e valorizá-la? Por que, na nossa cidade, a Cultura sempre patina? Por que a nossa identidade e diversidade sempre pagam o pato frente aos devaneios do Poder Público? Por quê?

Foram mais de 20 mil votos válidos de valencianos que o elegeram no último pleito e tenho absoluta certeza de que nenhum deles, senhor Prefeito, seria pelo rebaixamento de algo tão precioso e tão nosso quanto é a nossa Cultura!

A Cultura não é joguete, Jairo Batista. A Cultura Valenciana é coisa séria!

Valença, 11 de Janeiro de 2021.

*Isabella Britto, Artista, Ativista Cultural e Graduanda em Pedagogia pela UNEB – Campus XV.

Comentários { 1 }

FORD ANUNCIA FIM DA PRODUÇÃO DE CARROS NO BRASIL

A Ford comunicou nesta segunda-feira (11) o fim da sua fabricação brasileira de carros. A montadora anunciou que vai “encerrar a produção nas unidades de Camaçari (BA), Taubaté (SP) e da Troller (Horizonte, CE) durante o ano de 2021, à medida em que a pandemia de Covid-19 amplia a persistente capacidade ociosa da indústria e a redução das vendas, resultando em anos de perdas significativas”.

A fabricante informa que manterá no Brasil apenas a sede administrativa da América do Sul, o Centro de Desenvolvimento de Produto e o Campo de Provas de Tatuí, no interior paulista.

Por aqui, a montadora faz o Ecosport, o Ka e o Ka Sedan na planta de Camaçari (BA), mesmo local onde o Bronco foi flagrado há pouco tempo. Já na fábrica cearense em Horizonte, a Troller produz o jipão T4.

A fábrica de Taubaté, no interior paulista, é responsável pela produção de motores e transmissões, como o propulsor 1.5 Ti-VCT Flex de três cilindros e o câmbio manual MX65, que equipam o Ecosport te o Ka Freestyle, respectivamente. (Estadão)

Comentários { 0 }

BAHIA REGISTRA 1.649 CASOS DE COVID-19 NAS ÚLTIMAS 24 HORAS

Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 1.649 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,3%) e 1.570 recuperados (+0,3%). Dos 512.841 casos confirmados desde o início da pandemia, 496.542 já são considerados recuperados e 6.875 encontram-se ativos. O boletim epidemiológico de ontem (10) contabiliza 32 óbitos que ocorreram em diversas datas.

O número total de óbitos por Covid-19 na Bahia desde o início da pandemia é de 9.424, representando uma letalidade de 1,84%. Dentre os óbitos, 56,48% ocorreram no sexo masculino e 43,52% no sexo feminino. Em relação ao quesito raça e cor, 55,03% corresponderam a parda, seguidos por branca com 19,26%, preta com 14,71%, amarela com 0,66%, indígena com 0,13% e não há informação em 10,22% dos óbitos. O percentual de casos com comorbidade foi de 70,85%, com maior percentual de doenças cardíacas e crônicas (73,61%).

Comentários { 0 }

HILDECIO MEIRELES É A MAIOR REFERÊNCIA DO BAIXO SUL

O prefeito de Cairu, Hildecio Meireles, com apenas dez dias de gestão já fez uma revolução administrativa de dar inveja a qualquer gestor. Claro que Hildécio já vem de três gestões municipal e um mandato de deputado. Uma bagagem enorme!

Mas, só prá que possamos entender o que um homem respeitado; que sabe fazer política; conduzir com habilidade um município e aínda gozar de grande prestígio com a população, pode fazer, vamos dar um pequeno exemplo de como ele consegue agradar até aos moradores vizinhos com suas ações.

Hildécio derrubou a cobrança da Taxa da UPA para os moradores da região que visitam as ilhas.

Essa era uma cobrança dos moradores de Valença que reclamavam de que Cairu cobrava para que eles entrassem em seu território, mas aqui eles nunca foram cobrados de nada, a não ser a taxa de embaque. Praxe de todo terminal de transportes.

Pronto! O povo de Valença já pode entrar e sair de Morro de São Paulo sem ter que desenbolsar a taxa de acesso à Ilha, porque essa foi uma das medidas imediata do prefeito Hildécio.

Com isso, alguns visitantes ainda podem desfrutam do sistema de saúde da localidade, que hoje está de volta ao comando da doutora Cíntia Rosemberg. Quem não lembra dela?

Comentários { 2 }