[adrotate banner="25"]
[adrotate banner="26"]

ZÉ RONALDO PREOCUPADO COM A SEGURANÇA NA BAHIA

????????????????????????????????????

O candidato ao governo do estado pelo Democratas, José Ronaldo, lamentou os números divulgados pelo Anuário Brasileiro de Segurança Pública 2018 que colocam, mais uma vez, a Bahia na liderança dos casos de violência no país. “Temos uma população de 15 milhões de habitantes, 30 por cento da São Paulo, mas temos praticamente o dobro de casos de homicídios dolosos. Isso demostra que a falta de ações mais ostensivas dá a sensação de impunidade para os criminosos. Precisamos mudar essa realidade”.

Segundo o estudo, a Bahia concentrou 11% dos homicídios dolosos, latrocínios e lesões corporais seguidas de morte do país. “Os dados são impressionantes e somente reforçam o que especialistas vinham dizendo que há um grande desajuste na forma como está estruturada a segurança pública no estado. O governo gasta milhões em propaganda para divulgar que está contratando policiais e adquirindo viaturas, quando na verdade, o máximo que faz, é substituir os policiais que vão para a reserva e os veículos sem condições de uso. É preciso, de imediato, aumentar o contingente da força e dar mais condições de trabalho aos policiais”.
José Ronaldo lembra que o governo atual nada faz para melhorar as condições de segurança e reclama de que os dados de outros estados são “mascarados”. “É um discurso de defesa sem apresentar nada que tente mudar a realidade. Continuamos liderando o número de mortes violentas. Em 2017, foram 6.635 casos. Superamos estados com maior população e que são apontados como violentos, nos casos do Rio de Janeiro e São Paulo”. O democrata disse que sua primeira medida, caso seja eleito, será reestruturar a segurança no estado, aumentando o efetivo e assegurando melhores condições de trabalho para os policiais.
Comentários { 1 }

AFINAL, JEAN MACEDO É ASSESSOR DA PREFEITURA, DA CLÍNICA, OU DE DONA ROSANA MOURA?

Tem certas coisas que a gente não pode deixar passar despercebido, porque senão, quem sobra no fim somos nós. Uma das coisas que mais me decepcionou com Ricardo Moura foi justamente no período da eleição de 2011, que ele disputou com Martiniano e Jucélia, e ganharia com uma margem de “mais de 10 mil votos de frente, para o segundo colocado” (palavras do ex-vereador Jairo Baptista à època), Ricardo desprezou o blogueiro que fez da porta de sua sorveteria e do seu blog o QG dele. Tudo por que o blogueiro foi convidado à delegacia por autoridades da cidade por causa de um comentário de terceiros no blog, e isso fez com que Ricardo Moura se distanciasse de nós. Pra ele era melhor ter o apoio das autoridades que supostamente poderiam blindar a ele, pois estava inelegível, do que ser amigo do blogueiro que despercebido deixava passar um comentário “ofensivo”.

Bom, tudo isso serve pra a gente entender o caráter de Ricardão. Não tem um caráter ruim, mas é um Maria-vai-com-as-outras, disso não podemos negar. Quando Ricardão se afastou do blogueiro, fez isso porque ouviu um de seus apoiadores, que hoje é seu secretário, dizer: “você tem que se aliar ao RENOVA VALENÇA (grupo criado à época para destruir Ricardo), porque lá está a sociedade valenciana”, ou seja: descarta Pelegrini que bate no RENOVA, e corre pros braços da elite porque lá tem filho de desembargador, advogados e a “nata da sociedade”.

Ricardão não titubeou, mas perdeu a eleição por 66 votos para Jucélia Nascimento, que segundo os entendidos, amargaria um terceiro lugar.

Eu mesmo contribui para a derrota de Ricardão, levando toda minha família a votar em Martiniano, o resto deve ter sido de pessoas insatifeitas como eu. E foram muitos.

Hoje, quando vejo Ricardão na rua, cumprimento-o sempre, e muitas vezes trocamos umas idéias. Uma das vezes que falei com ele, eu disse: Ricardo que fulano é aquele que diz ser do seu lado? O cara conspira contra você (são muitos dentro da prefeitura que jogam contra ele, de secretário a empresas que ganharam licitação sem concorrer, fazendo contrato de emergência). E Ricardão diz: “Bicho, que homem é aquele!?”, numa indagação de confirmação ao que digo.

Sem mais delongas, vamos ao que interessa: na sexta-feira postei uma denúncia sobre uma obra que se faz num terreno da família de Ricardo Moura. Posso ter exagerado na manchete, mas a minha cobrança é a que qualquer um cidadão poderia fazer. Está comprovado que o terreno pertence à familia dele, e não tem alvará de Lincença da prefeitura, nem do CREA, e tampouco algum engenheiro assina a obra.

Isto foi o suficiente para o senhor Jean Macedo, assessor de comunicação da prefeitura, vir nos chamar a atenção para um assunto que não lhe interessa. Jean me enviou um áudio que deve ter sido feito para a senhora Rosana Moura, de alguém que fala supostamente como responsável da obra que é executada na propriedade da família do prefeito Ricardo Moura. Segundo a pessoa que gravou o áudio, o terreno está alugado a uma clínica e a obra não é de responsabilidade da família de Ricardo. O terreno pertence a senhora Rosana Moura, irmã do prefeito, e me parece que existe um contrato de aluguel do local, feito entre uma clínica e a senhora Rosana.

O assessor de Ricardo Moura, querendo inflamar ou querendo intimidar o blogueiro fez uma série de acusações ao blog, inclusive ameaçou o radilialista Wellingthon Anunpcição, que compartilhou a minha publicação do blog, de dar queixa dele na justiça. O cidadão ainda disse que minha matéria seria fake. Fake o que!? Se enxergue, vai lá na obra e confira pra ver se tem as licenças dos órgãos competentes.

Agora vou voltar acima sobre o início da minha publicação, quando falo que tem certas coisas que não devemos deixar passar, pra no fim não sobrar prá nós. O grande pecado de Ricardo Moura é ficar ouvindo essas pessoas desembestadas, que, para mostrar serviço, se faz de serviçal e tenta prejudicar as pessoas. Eu conheço Ricardo Moura, e por coisas piores ele não processou ninguém, e fico abismado como o senhor Jean consegue convencer Ricardo a processar uma pessoa por nada, como foi o caso do radialista Wellingthon, que foi levado a delegacia de polícia porque postou sobre as diárias que o prefeito recebeu.

Há alguns anos alguém acusava ricardo de ter recebido dinheiro de Benito Gama para fazer a campanha dele e que Ricardão havia desviado o dinheiro. Nós (apoiadores de Ricardo) que queríamos que ele não tivesse má fama para caminhar livre na política, sugerimos que Ricardo processasse o cara, Ricardão disse: “Bicho deixa fulano quieto, ele é amigo da gente”, e hoje sobre uma denúncia vista pela página da transparência, Ricardo processa alguém. Tá muito mal orientado.

Esse assessor quer mesmo é se aparecer, não tem competência para desenvolver um bom trabalho na comunicação, agora fica querendo mostrar serviço dessa forma, pedindo para processar todo mundo. E pelo jeito, é o mesmo que ele está fazendo com a senhora Rosana Moura, pois em nossa conversa pelo Whatsapp, ele diz que a doutora Rosana irá me responder a postagem. Insinuando que ela irá tomar as providências.

Como eu disse: é um serviçal, pois pelo que eu sei ele é assessor de comunicação da prefeitura e não da senhora Rosana Moura. Ou será que ele está a serviço dela pela prefeitura? Precisa esclarecer essas coisas, porque, merda quanto mais mexe, mais fede.

Então senhor Jean, explica aí: o que o senhor tem a ver com a minha denúncia, já que o terreno pertence a senhora Rosana Moura e ela tem um contrato com uma clínica? O senhor presta serviço a quem mesmo? À prefeitura, à senhora  Rosana, à clínica, ou o senhor recebe da prefeitura para assessorar à família toda?

Portanto Ricardão, tente ver as besteiras que você fez quando se agrupou com esses indivíduos que hoje lhe escracham, usando fakes em redes sociais para lhe destruir. Saiba que quando alguém lhe ataca, não é uma ataque direcionado a você, mas sim aos seus asseclas, porque atacando eles, nada os atinge, mas atacando você, incomoda a todos eles.

Aqui segue a conversa que tive com o senhor Jean, assessor de comunicação da prefeitura de Valença, se colocando como defensor da empresa que alugou o terreno e da senhora Rosana que é proprietária do terreno.

Minha resposta vem logo após um áudio que foi enviado à Rosana Moura e ele me reenviou. O áudio diz que ela não deve se preocupar com as denúncias, pois a obra pertence a eles.

Comentários { 0 }

DEPUTADO HILDECIO MEIRELES HOMENAGEIA PAIS BAIANOS

Comentários { 0 }

EX-PREFEITA JUCÉLIA NASCIMENTO DESEJA UM FELIZ DIA DOS PAIS

Comentários { 0 }

MARCOS MEDRADO HOMENAGEIA OS PAIS

Comentários { 1 }

O EXEMPLO VEM DE CASA: PARENTES DO PREFEITO CONSTROEM SEM AUTORIZAÇÃO DE ÓRGÃOS COMPETENTES

 

Construção da família do prefeito não apresenta autorização do CREA e tampouco alvará da prefeitura

Quando o exemplo é dado dentro de casa, tudo está certo, observem que a família do prefeito Ricardo Moura está construíndo em pleno centro da cidade, e essa construção não mostra liberação do CREA e sequer alvará da prefeitura.

Depois de derrubar um semi-patrimônio histórico da cidade, pois ali morou a professora Celeste Moura, uma das maiores educadoras do município, a família do prefeito desrespeita inclusive as leis e regras de construir do PDDU.

Uma construção pobre (pois é visto pelas frestas do cercado), sequer se ouviu bater uma estaca no local. Um projeto que ninguém sabe a qual empresa de engenharia pertence, a obra vai seguindo a trancos e barrancos. Uma pilha de blocos do lado de fora e um tapume que cerca uma arquitetura duvidosa, pois se não tem liberação da prefeitura e tampouco do CREA. É duvidosa!

 

Comentários { 3 }

DIA DOS PAIS SEM MOTIVAÇÃO E LOJAS FECHADAS NO CALÇADÃO

Antigamente os transeuntes se chocavam no calçadão, hoje podem até andar correndo, porque o movimento caiu muito

Ontem (09), quando eu passava no Calçadão Governador Gonçalves, uma sensação de melancolia invadiu meu coração, vi dois estabelecimentos de portas fechadas, e diferente de algumas pessoas (que vibram quando alguém fraqueja), sinto tristeza, como se aquilo fosse meu. Essa mesma sensação senti quando vi o Supermercado Rio Branco, que tanto serviço prestou a nossa cidade, fechar as portas .

Sabemos da crise financeira que assola o país, mas parece que a cada dia a coisa piora. Pergunto: cadê a Associação Comercial de Valença? Será que eles não tem um diagnóstico para nos mostrar, para que possamos acompanhar o que está acontecendo, e possamos entender?

Lembro que o calçadão quando estava com aqueles ambulantes, parecia que era mais frenético, depois que o prefeito foi lá e retirou os ambulantes, parece que o movimento ficou morno. Um funcionário de farmácia havia dito a mim que depois que os ambulantes sairam do calçadão a farmácia que ele trabalhava teve queda de 70% nas vendas de analgésicos. Imagina!

Será que fizeram um bem ou um mal aos comerciantes do calçãdão com a retirada dos ambuilantes? Se isso for verdade mesmo, eu acho que eles devem tentar trazê-los de volta de uma forma bem organizada Vai ser melhor.

COMÉRCIO SENTIU COM NOVA DIRETORIA DA ACE/CDL

A ACE/CDL, depois que mudou de direção ficou mais fria, deve ter perdido alguma receita, a ornamentação do São João já havia mostrado que a coisa não andava muito boa, com certeza as lojas que fecham as portas deixam também de contribuir com a Associação, e foram algumas que fecharam as portas.

O dia dos pais está chegando e não se vê uma campanha de promoção para que o comércio aqueça as vendas, não tem propaganda, não anunciam nas emissoras de rádio, não divulgam horários de funcionamento. Nada, enfim!

É, parece que jogaram a toalha, e o dia dos pais deve ser na base da birita, mesmo. Ah, isso eles sabem vender bem!

Comentários { 3 }

QUE PAU NO SACO, HEIN! KANNÁRIO PODE SER ELEITO DEPUTADO FEDERAL COM AJUDA DE MILITARES E EVANGÉLICOS

Por essa os policiais baianos e os evangélicos não esperavam. O cantor Igor Kannário, que é candidato a deputado federal, pode ser eleito com a ajuda dos militares e dos cristãos. Como assim? A sigla do pagodeiro, o PHS, fez coligação com o PSL, do presidenciável Jair Bolsonaro, para disputar as eleições proporcionais. Também fazem parte da chapa o PPS, ligado a Igreja Católica e o PRTB, do General Mourão e de religiões protestantes. Nos bastidores, a união é chamada de “Mundano Ungido”.

Deputados federais e estaduais são eleitos através do sistema propocional. Ou seja, o número total de votos conseguidos pela coligação ou partido é que determina se vai haver candidato ou candidatos eleitos. Por exemplo: se a chapa consegue 160 mil votos, que seria o coeficiente eleitoral da disputa, garante uma cadeira na Câmara Federal. Se consegue 320 mil votos, elege dois parlamentares. A expectativa é que Kannário tenha menos de 80 mil votos. Então, são os votos dos militares e dos cristãos que podem garantir ao artista a função legislador. E aí, o Kannário vai ter que ser chamado de autoridade.

De acordo com uma fonte do Informe Baiano, “Bolsonaro ficou injuriado ao saber da possibilidade real do pagodeiro ser eleito com a sua ajuda”. No carnaval desse ano, Kannário fez duras críticas a atuação da PM e por isso, é considerado inimigo da tropa. O comandante da corporação chegou a chamar o artista de “marginal”. Em outra polêmica, em Feira de Santana, o vereador discutiu com uma policial, durante uma tradicional a micareta da cidade. Agora, a presidente do PSL na Bahia, a professora Daiane Pimentel, estuda como justificar a situação para os simpatizantes de Bolsonaro. (IB)

Comentários { 2 }