RAMIRO CHORA PORQUE NÃO FOI CONSULTADO PARA AS ESCOLHAS DOS SECRETÁRIOS DE JAIRO

Em um áudio com Wellington Anunpciação e Ramiro Campelo, que circula nas redes sociais, o velho chacal demonstrou que está escanteado da gestão de Jairo, disse que apesar de não ter feito acordos para apoiar o prefeito na campanha, sequer foi consultado para opinar sobre os escolhidos para os cargos de alto escalão.

“Até agora não fui consultado sobre nenhum dos nomes que vão fazer parte do quadro efetivo de administração de Jairo. A verdade nua e crua, certo? O baú ainda não se abriu pra Tio Ramiro. Como não houve nenhum compromisso de minha parte em troca de indicação em nenhum nome, então, eu tô na minha. Se me oferecer a oportunidade de indicar algum nome produtivo, que possa somar para o desenvolvimento de Valença, pra melhoria de nossa qualidade de vida, eu poderei dar algumas sugestões, certo? Mas não tenho nenhum nome arquivado pretendendo fazer parte do secretariado de Jairo”, revela Ramiro.

Em outra parte do áudio Ramiro tenta de forma discreta cobrar para seu irmão, Roque Campelo, a inclusão dele no quadro (até o momento não ouvimos falar sobre nomeação de Roque) quando diz que, se por acaso Roque vier a pertencer ao quadro da prefeitura que não foi por sua indicação, “Se Roque, meu irmão, vier a pertencer ao quadro não foi indicado por mim, será porque ele foi um dos primeira linha de Jairo na campanha anterior onde foi sempre assim: Roque e Jairo, Roque e Jairo, Roque e Jairo… Então será uma peça de escolha do próprio prefeito”, alerta.

Com um pouco de dor, Ramiro frisa que não foi consultado para as escolhas dos que irão compor a administração e diz que votou e mandou votarem em Jairo por acreditar em seus projetos e de seus apoiadores.

Se eu conheço Jairo, com certeza já deve ter enviado as cascas também, para o chacal.

Ouça o áudio:

Uma resposta para RAMIRO CHORA PORQUE NÃO FOI CONSULTADO PARA AS ESCOLHAS DOS SECRETÁRIOS DE JAIRO

  1. Marcel Sant' Ana da Fonseca janeiro 7, 2021 às 4:08 pm #

    Eu não sabia que o ex-prefeito era conselheiro e indicador de cargos.

Deixe uma resposta