DE VOLTA: OS EMBALOS DE SÁBADO A NOITE, NUMA SEXTA, PRA ALEGRIA DOS CINQUENTÕES

Não existe cotovelada, os ritmos são diferentes de baile funk e de pagode, a alegria reina do início ao fim, é só dança da época

Quem já passou dos 50 anos e não lembra dos embalos de sábado a noite!? Pois é, foi pensando nessa turma que uma empresa de eventos, local, proporcionou aos jovens da melhor idade um evento que parece estar marcado pra ficar. Quem quiser chorar relembrando as festinhas feitas em casa; o tira-gosto conhecido por sacanagem; a cuba-libe; o Campari e até mesmo o vestido de bolinha; pode embarca nessa viagem.

​Na noite do dia 25/05, sexta-feira, as pessoas esquecidas pelos promotores de eventos (aquelas da melhor idade), viveram um momento inesquecível no Clube Mirante, algo que eu posso até dizer: uma idéia que pegou e poderá se perpetuar. Lá estavam empresários, funcionários públicos, profissionais liberais e muita gente que gosta de festas de época.

A elegância e o romantismo de quem sabia como era bom dançar coladinho. Não esquecem

Uma empresa de Valença, a Mais Ideia Comunicação e Eventos, em parceria com a Rádio Rio Una FM, realizaram o evento “O BAILE”. O evento tem por finalidade reunir as pessoas com idade superior a 25 anos, que gostem de dançar twist, coladinho, iê-iê-iê e relembrar sucessos dos anos 60 e 70.

As jovens senhoras ainda continuam elegantes, atraentes e com muita alegria

Cerca de 220 pessoas participaram do evento. Para Emanuela Costa, idealizadora do baile, foi uma noite emocionante, onde foi possível reviver músicas que marcaram época e fazer o público dançar e relembrar momentos inesquecíveis, “na verdade é uma aula de história da música popular Brasileira, as pessoas dançam e cantam mostrando que não se esqueceram dos rítmos e músicas da época, ou seja, se não existisse a palavra démodé, com certeza até hoje estariam tocando e fazendo bailes para quem gosta do estilo”, disse Costa.

Empresas apostaram e confiaram no evento, “estaremos patrocinando, mais uma vez, o próximo evento”, disse Eduardo da Itaipava

Ao ritmo de Robertinho de Valença e Luci Laura, atração esperada da noite, as pessoas mostraram que ainda estão com muita energia para enfrentar outros bailes.

Segundo a produção: a pedido do público presente, o evento terá continuação durante o ano, se tornando marca da empresa Mais Ideia. A segunda edição do “BAILE” já tem data marcada, será em agosto com dia para definir e trará novidades para o público nesta edição.

Sem comentários.

Deixe uma resposta