DEPUTADO HILDÉCIO COMEMORA VINDA DO CURSO DE MEDICINA QUE ELE BATALHOU PRA INSTALAR AQUI

O deputado Hildécio Meireles tem muito o que comemorar por esses dias, além de se destacar como o melhor parlamentar da Bahia, ainda consegue ir a Brasília brigar por investimentos pra nossa cidade, assim como: desbloqueando recusros que estavam travados na educação de Valença, criando lei para dar transparência nas regulações e etc, etc… Dessa vez foi a aprovação do curso de medicina que ele brigou para trazer pra nossa cidade.

É isso mesmo Valença agora vai ter uma faculdade de medicina, que poderá estar funcionando ainda este ano. Apesar de ser privada, mas ainda é o lugar que os pobres tem mais chances de passar e fazer o curso. Afinal de contas, a elite pode pagar cursinhos para seus filhos estudarem nas escolas públicas e o pobre tem que trabalhar.

Muita gente pode estar questionando sobre o valor da mensalidade, mas não se esqueçam que tem o Fiés que foi criado no governo do petista, Luís Inácio Lula da Silva, justamente pra isso, pra que o pobre não fique de fora da universidade.

É caro, mas medicina é o curso que qualquer pessoa depois que se forma não terá dificuldades em pagar, pois é uma das profissões mais requisitadas no Brasil. Aqui já importamos médicos de Cuba por falta de material humano. Portanto, pobre ou preto pode ficar tranquilo, concorram a uma vaga e busquem o o seu futuro usando o Fiés.

Mas não esqueçam quem trouxe esse curso foi o deputado estadual Hildécio Meireles, o deputado mais votado de Valença, não poderia escolher uma outra cidade para trazer o curso que não fosse aqui.

9 Respostas para DEPUTADO HILDÉCIO COMEMORA VINDA DO CURSO DE MEDICINA QUE ELE BATALHOU PRA INSTALAR AQUI

  1. Leitor fevereiro 21, 2018 às 10:40 pm #

    Você deve tá ganhando o maior salário de sua vida pra puxar saco desse deputado que traz curso de medicina de seis mil reais por mês pra Valença. Me poupe.

  2. Cristiano fevereiro 22, 2018 às 9:12 am #

    Retificando. No governo Lula foi criado o PROUNI. O FIES foi criado antes em 1999 e foi reformulado ( pra melhor) durante o governo Lula.

  3. pelegrini fevereiro 22, 2018 às 11:35 am #

    Pra que salário, Leitor? O deputado merece o destaque, mnão é verdade?

  4. Leitor fevereiro 22, 2018 às 1:22 pm #

    Destaque de que? O que mais o deputado fez além de trazer um curso de milhares e reais?

  5. BOLSONARO PRESIDENTE fevereiro 22, 2018 às 1:56 pm #

    Li um monte de abobrinha aqui… Típico de petista distorcer tudo e achar o Luladrão a reencarnação de Jesus Cristo…. O FIES foi criado por FHC em 1999 mas ele só criou um nome diferente pois o Crédito Educativo foi criado em 1976 ( governo militar).
    Outra bobagem: Qual o nome da Instituição que vai contruir tudo isso? Faculdade , hospital, postos de saúde pois o que temos aqui é abaixo do mínimo!!!! QUAL O NOME????? E por último tem que ser muito puxa-saco para achar que pobre vai cursar aí! HAHAHHAHAHHHHAAAAA!!!! O blogueiro tá querendo virar um novo “DUDA MENDONÇA”….

  6. Mudo fevereiro 22, 2018 às 6:31 pm #

    Leitor tá com despeito? Beba um copo de chubinho!!

  7. plinio.cardoso filho fevereiro 23, 2018 às 11:14 am #

    Pele te vejo como um jornalista blogueiro ect.e tal no campo da informação e sei que o seu papel como tal não tem nada á ver com as ideias desse deputado que passou 1460 dias em um gabinete no centro administrativo em salvador e agora no momento das eleições gerais ele ficar com esse jogo antigo de que estar trazendo bobagens de universidades para a tão sofrida Valença com objetivos finais a sua candidatura a deputado estadual novamente isso acabou ele pode trazer Marte para Valença que os valencianos vai dar uma banana bem dura para todos eles. O que penso é que um deputado seja ele qual for recebe o mandado é para trabalhar durante todos os dias dos 04 anos que lá ele estiver pois o trabalhador comum trabalha todos os dias para pagar os salários desse pessoal que só aparece nessas horas.kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk!

  8. Edson F. fevereiro 23, 2018 às 12:11 pm #

    Pelegrini, tenho de concordar com o comentarista aí. 6 mil é puxado até pra classe média, quanto mais pra pobre. Imagine a dívida ao terminar 5 anos de curso com mensalidades de 6 mil reajustadas, mais livros, alimentação, etc… pobre fazer um curso desse só bancado por padrinho rico ou passando com muito esforço pra pública e mesmo assim se não desistir com toda a dificuldade de se manter lá. Sim, conheço médico que era muito pobre mesmo e passou pra UFBA na época que não existiam cotas e tinha Geometria Descritiva na prova. E ai funcionar esse ano? Terá hospital próprio? Vai dar tempo de fazer tudo isso esse ano? Não esqueça que tem hospital que COBRA $$ pra estagiários de Medicina fazerem estágio em suas dependências. Nada mais justo que se o hospital de Valença cobrar dos alunos caso a faculdade não tenha hospital próprio. Mais uma despesa que o pobre não vai conseguir pagar. Ah, Valença do RJ é conhecida pela faculdade de Medicina de lá. É bem antiga e estruturada. Mas não é pra pobre mesmo. Pra eles, ainda é sonho no Brasil. Só os que dã sorte de nascer com QI mais elevado e passam no vestibular da pública e moram perto. É triste, não é pessimismo, é verdade.

  9. salomao fevereiro 23, 2018 às 1:35 pm #

    Certo que pobre so com muita dificuldade conseguirá cursar a dita Faculdade de medicina,mas procuro olhar pelo lado positivo :depois de termos “tomado diversos gol contra”(presidio,diversas empresas que se desistiram de realizar investimento em nossa terra ,p.ex) ,pelo menos agora aparece uma noticia boa.

Deixe uma resposta