SUPERMERCADOS DIGLADIAM POR CONQUISTA DE CLIENTES

Na guerra para atrair clientes, os supermercados Mega Bom e Doce Preço fazem de tudo, desde baixar o preço até oferecer cafezinho, água e refrigerantes

A guerra pela preferência do consumidor é uma coisa saudável e válida, nesses casos, só nós ganhamos. No sábado um supermercado oferecia água gelada, cafezinho e refrigerantes e salgadinhos aos clientes. O outro colocava um locutor na porta para bravejar mostrando que “os nossos descontos são no produto e não nos mimos aos clientes”. Bacana, cada um tem uma estratégia e com isso o consumidor vacila entre ser bem atendido nos afagos ou no mganho dos preços.

Tudo é válido porque existe uma crise financeira, e com isso as empresas buscam conquistar seus clientes das formas mais diversificadas, desde um sorrisão na porta, ou uma sala vip com ar condicionado, direito a cafezinho, refrigerante e um lanchinho, até preços módicos. Cada um escolhe o que é mlhor para si.

No sábado o movimento era frenético, pessoas entravam e saiam de um supermercado para ir pra outro, e as tentações não paravam. Por quase meia hora eu pude comparar a diferença de preços de dois supermercados, as vezes um produto está baixo em um e alto no outro, e vice versa.

Mas o melhor de tudo é ver as pessoas aproveitando a guerra para fazerem suas compras, “o bom mesmo desses dois supermercados é que um fica próximo ao outro, aí dá pra a gente comparar o preço sem precisar andar muito, e só preciso levar o produto que tiver melhor preço”, dizia seu Antonio do Bairro do Tento.

Sem comentários.

Deixe uma resposta