TÁ FICANDO FEIO PARA OS PSEUDO MORALISTAS QUE VOTARAM A FAVOR DO IMPEACHMENT

NÁRCIOMinas 247 – O deputado federal Caio Nárcio (PSDB-MG), filho do Nárcio Rodrigues, ex-presidente do PSDB de Minas, detido nesta segunda-feira (30), votou pela aprovação do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff na Câmara, em abril.

“Por um Brasil aonde meu pai e meu avô diziam que decência e honestidade não eram possibilidade, eram obrigação”, afirmou Caio antes de votar a favor do impeachment. O deputado encerrou a fala com a citação: “Verás que um filho teu não foge à luta”.

Caio Nárcio acompanhou o pai até a sede do Ministério Público, em Belo Horizonte, onde o tucano foi detido.

De acordo com informações da Polícia Militar, 16 mandados foram cumpridos nas regiões Centro-Sul e Noroeste na capital mineira. Documentos e computadores foram apreendidos em 14 endereços.

ame

 

 

Uma resposta para TÁ FICANDO FEIO PARA OS PSEUDO MORALISTAS QUE VOTARAM A FAVOR DO IMPEACHMENT

  1. Antonio Santos de Jesus maio 31, 2016 às 9:16 am #

    Discordo totalmente e provo que você está errado: No governo Dilma um ministro envolvido em corrupção continuava no cargo, e no caso do ex-presidente Lula foi até nomeado ministro para protege-lo da lava jato e do juiz Sergio Moro. O ministro Mercadante, acusado de tentar bloquear a justiça e atrapalhar as investigações da operação lava jato, continuou no cargo até o ultimo dia do governo.

    Agora no governo Temmer, um ministro citado em gravações e envolvidos na Lava jato, pede afastamento e é exonerado. mesmo que isso seja em virtude da pressão popular – já é um avanço.

    Mostre que voce é imparcial e publique esse comentário. irei acompanhar.

Deixe uma resposta