PRESIDENTA DA CÂMARA ELOGIA NOSSO BLOG.

image

Ontem fiquei surpreso com um fato que aconteceu comigo aqui na porta da sorveteria, fui abordado por nossa chefe do legislativo; a senhora Diana Farias, que me disse: “Pelegrini é sobre o blog que quero lhe falar”, imaginei que pudesse ser alguma bronca, pensei: será que andei escrevendo alguma coisa que não devia? Não foi nada do que pensei, ela me parabenizou pelo blog, reconheceu o nosso site como um importante veículo de comunicação para a nossa cidade e me agradeceu pelo que escrevi sobre ela no post “DIANA FARIAS? NÃO, FARÁ” http://pelegrini.org/politica/353, se colocou a nossa disposição para qualquer assunto ou algo que ela possa nos ajudar em relação a informações sobre a câmara. Conversamos por cerca de 5 minutos, mas uma conversa proveitosa e de troca de idéias.

É isso ai, pessoas públicas que tem respeito pela comunidade agem assim, reconhecem as ações de quem quer fazer algo pelo município, dá atenção às pessoas, respeita as opiniões. A senhora Diana ganhou a nossa simpatia por ser uma autoridade de grande importância no nosso município a ter reconhecido o nosso blog como um importante veículo de comunicação. Muito obrigado Presidenta, mas os méritos não são sós meus, são também dos nossos comentaristas e leitores que no dia a dia me ajudam a manter acesa essa chama que nós chamamos “liberdade de imprensa”.

Comentários { 2 }

UM NOVO BARZINHO EM VALENÇA.

 

image

E ai pessoal, como foi o “Dia dos Namorados”? Ontem fomos a um barzinho aqui de Valença recém inaugurado, porque na semana passada nós vistamos e gostamos muito, o “Mandalas”. Da primeira vez estava super legal e por isso em nossa segunda visita resolvemos convidar um casal de amigos, Kadu e Camila, o atendimento estava ótimo, o sonzinho de forró tava demais, e uma moça simpática que me parecia ser a proprietária ia a todas as mesas e nos cumprimentava perguntando sempre se estávamos nos sentindo bem, se os petiscos estavam do nosso gosto etc. Mesmo que não tivesse o ambiente agradável já pagava tudo. Chegamos por volta de 10h00min da noite e saímos ás 00h00min, pagamos nossa conta com aumento de 10%, mas a nossa satisfação não nos dava direito de reclamar (se bem que não fomos avisados da cobrança dos dez por cento), por que também achamos justo.

Porém na noite de ontem o “Mandalas” estava totalmente ao contrário, na chegada encontramos um amigo que ia saindo de lá e nos alertou de que estava muito cheio e o atendimento estava péssimo, mesmo assim arriscamos e entramos, realmente estava muito cheio, um moço nos atendeu e perguntou se nós tínhamos feito reserva, já comecei a ficar com uma pulga atrás da orelha, respondi que não, ai ele nos sugeriu duas mesas que estavam vazias, escolhemos uma e sentamos, não que estivéssemos necessitados de ficar ali, mas as boas coisas a gente sempre repete. Como o nosso amigo havia nos alertado antes, compreendemos e ficamos por ali esperando ser atendidos, a mesma garota que nos atendeu na vez anterior também nos atendeu dessa vez, fizemos o nosso pedido e ela nos informou que estavam cobrando R$ 5,00 reais por pessoa, eu respondi-lhe que não havia problemas e que nós estávamos ali porque gostamos e voltamos. Trinta minutos depois a garota ainda não tinha nem levado o nosso pedido, ao meu lado havia um casal de conhecidos, como eu tinha percebido que a garçonete nem tinha saído ali de perto, resolvi perguntar a eles como estava o atendimento e eles repetiram as mesmas palavras do nosso amigo, “cheio e péssimo o atendimento”. Resolvemos cancelar o pedido e ir embora.

Espero que os proprietários do “Mandalas” não tomem isso como uma critica destrutiva, é compreensível o que aconteceu ontem, afinal de contas foi um dia especial, mas é preciso prevenir nessas ocasiões, e só devem atender o que o estabelecimento comporta, ao excesso de visitantes deve-se chamar a atenção do que pode provocar ao atendimento.

Vou retornar outras vezes lá com certeza, mas vou sugerir aos proprietários que evitem de cobrar taxas ou comissões, cobrem essas comissões já embutidas no que se consome, não tenham medo de cobrar caro. Leiam esse artigo de “Kanitz”. http://www.kanitz.com/veja/remuneracao_profissional.asp

Comentários { 5 }

AUDIÊNCIAS PÚBLICAS DISCUTEM QUALIDADE E PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PÚBLICOS.

UTILIDADE PUBLICA.

O Sr. Yuri Almeida, da Assessoria de Comunicação do Estado da Bahia, enviou-nos por e-mail um release de um evento que eu acho de suma importância para a sociedade, uma audiência pública que discutem qualidade e prestação de serviço público. Eis ai a oportunidade de falar, reivindicar, reclamar, desabafar. Não percam essa oportunidade, segue o anexo:

Audiências públicas discutem qualidade e prestação de serviços públicos

A Ouvidoria Geral do Estado da Bahia promove no dia 17 de junho (quarta-feira) audiência pública para dialogar com a sociedade sobre a qualidade dos serviços públicos estaduais, bem como alternativas para melhorar o atendimento ao cidadão e o funcionamento dos órgãos públicos.

O evento, que acontecerá na Câmara de Vereadores de Valença, das 8 às 12h, reunirá representantes da sociedade civil dos 14 municípios que compõem o território Baixo Sul, prefeitos e vereadores. Até o fim de 2010, todos os 26 Territórios de Identidade serão contemplados com a realização das audiências.

Para o Ouvidor Geral do Estado, Jones Carvalho, com a iniciativa o Governo do Estado amplia o diálogo com o cidadão e garante a participação popular na administração pública. "Através das audiências públicas, a Ouvidoria Geral adota uma postura mais proativa e possibilita ao cidadão mais um canal de interlocução com o Estado", explica Carvalho.

Território do Baixo Sul

Os municípios de Aratuípe, Cairu, Camamu, Gandu, Igrapiúna, Ituberá, Jaguaripe, Nilo Peçanha, Piraí do Norte, Presidente Tancredo Neves, Taperoá, Teolândia, Valença e Wenceslau Guimarães integram o Território do Baixo Sul. Juntas, estas 14 cidades somam uma população estimada de 333.357 mil habitantes.

Inscrições

As inscrições são gratuitas e serão realizadas no dia e local da audiência pública.

Comentários { 2 }

CINCO DIAS LONGE DO MANÍACO DO PARQUE, VOU PRA ITUBERÁ.

 

image

Depois que o prefeito João Cardoso saiu da prefeitura de Valença pela ultima vez perdemos o contato com nossas festas populares; o São João a Micareta, festas que tanto nos divertiam. Entrou o prefeito Agenildo Ramalho que ainda sustentou um pouco, mas logo em seguida entrou Ramiro Campelo e acabou de vez com a brincadeira, é claro que ele fazia umas festas bem ao estilo “come o que eu der”. Só que esse ano eu acho que não vai ter nem isso, porque a praça onde ele fazia as suas bagunças foi reformada e tiraram de lá aquele palco horroroso.

Mas a nossa alegria é o São João de Ituberá que promete trazer grandes atrações, assim como: Bruno e Marrone e a Banda Limão com Mel. “Será o São João do Centenário que terá uma programação extensa, rica e inusitada. Serão três palcos, onde também se apresentarão grupos tradicionais, que fazem parte da cultura junina ituberaense. As guadrilhas do Ridículo, Fogo de Palha e Nós Quer, a Jega Elétrica, o Jegue Elétrico, Os Guelas, Grupo Teatral Flor do Serinhaém, Pau de Sebo, Pau de Fitas, Candomblé Elétrico, Bumba-Meu-Boi e o aconchegante Forró Pé de Serra completam a grade dos cinco dias de arrasta-pé em Ituberá”, garante o assessor de imprensa da prefeitura de Ituberá, Marcelo Dutra.

É aqui pertinho e o prefeito de lá está nos convidando com toda boa vontade, não custa dar uma passadinha por lá. Pelo menos vamos ficar longe do “maníaco do parque” por cinco dias.

Comentários { 14 }

A CASTRAÇÃO DE RAMIRO.

 

image

O prefeito Ramiro Campelo derrubou uma arvore Ipê de dezenas de anos na Praça Barão do Rio Branco, a finalidade segundo os vereadores é para construir mais um parquinho. O prefeito poderia muito bem conciliar a construção do parquinho com a árvore, são duas coisas que estão ligadas; a beleza e a natureza, a árvore faria sombra ás crianças que brincassem no parque.

É muito triste ver pessoas assim, que não consultam os órgãos competentes (o IBAMA, o poder legislativo o judiciário), simplesmente querem e fazem, acha que ninguém entende de nada e só eles são donos da verdade. É uma pena para nosso povo ficar olhando esse grande espetáculo ridículo de um ditador ultrapassado, que constrói parquinhos para justificar suas asneiras.

Barão do Rio Branco que era filho de visconde do Rio Branco ganhou fama pelos grandes feito para o Brasil: “Ele foi o dilatador do Brasil, alargando-o e aumentando-o em terras, graças ao seu engenho, sem um leve ataque à justiça e ao seu direito”. Gazeta de Notícias, 11 de fevereiro de 1912.

Talvez tenha sido por isso que Ramiro fez essa castração, ele entende muito bem de Maquiavel, mas é impossível de entender um diplomata da lisura de barão do Rio Branco.

Ódio, com certeza.

Comentários { 12 }

IDESV REALIZA SEMINÁRIO DE MEIO AMBIENTE NO CAMPO.

image

Vai acontecer no dia 11 de junho de 2009 na Comunidade de Campo Seco região de Água Vermelha o Primeiro Seminário do Meio Ambiente do Campo. O tema é: “Rio do Braço Pede Socorro”, uma realização; Instituto de Desenvolvimento Econômico Cultural e Social de Valença e Território do Baixo Sul – (IDESV), Associação dos Moradores de Água Branca – (AMAB), Cooperativa de produtores rural de Presidente Tancredo Neves – (COOPATAN) e Instituto Direito e Cidadania – (IDC).

Este é um trabalho de conscientização e prevenção ao meio ambiente que tem a iniciativa de Roque Campelo de Queiroz, vale a pena participar.

Comentários { 2 }

E SE TIVESSEM PARQUINHOS NO PASSADO?

image

 

Eu quero saber o que vocês têm contra a fabricação de parques? Será que é errado fazer algo que beneficie às crianças? O que vocês querem que seja construídos? Barzinhos? Bordéis? Cassinos? Será que vocês não vão entender que criança precisa brincar para desenvolver sua coordenação motora, ficar esperto, exercitar a mente? Criança precisa de estímulo, correr, ler, armar “legos”, a criança é o futuro do nosso Brasil. Uma criança sadia é uma criança que corre, pula, brinca em parquinhos. Uma criança quando bem exercitada dorme bem, se alimenta bem, estuda com mais empenho.

Eu sou a favor da construção de parquinhos sim, e também da construção de ginásios de esportes, quadras, campos de várzea, só assim as nossas crianças vão crescer saudáveis, felizes, inteligentes e mais humanas, não correremos o risco de ver nossos filhos se tornarem num político ladrão, mau-caráter, mentiroso, anarquista, bajulador.

Acreditem, tem males que vem para o bem.

Comentários { 6 }

GREASE – Nos Tempos da Brilhantina.

Esse musical com dois grandes mestres da dança John Travolta e Olivia Newton John foi marcante no final dos anos 70, vale a pena ver e ouvir.

Comentários { 0 }