A FOTO DA SEMANA: RAMIRO GANCHO

imagePessoal vejam só que foto mais bacana eu achei no site da câmara! O senhor Capitão Muniz de Aragão, o prefeito Ramiro (gancho) Campelo e a nossa presidente da câmara Lady Di.

Na cabeça do prefeito sai uma especié de gancho amarelo. Lembrei do que ele fez com o caboclo no dia “Dois de Julho”. lembram? Acho que o castigo veio dos céus. Ele quis sacanear com o povo, e agora saiu nessa foto ridícula, agora ele esta sacaneado com esse gancho na cabeça.

Conhecendo o site da câmara do jeito que conheço, logo, logo, eles tiram a foto, ou montam outra coisa la por trás do prefeito. Coloquem o mastro do caboclo!

É assim que a gente desconta.

Comentários { 7 }

PT DE VALENÇA VAI TOMAR (ÁGUA) NO COPO

image

Houve uma reunião no Centro de Ação Comunitária, hoje dia 19 de outubro de 2009. Estavam presentes nesta reunião os senhores Agenildo Ramalho, Fidélis Negrão, Maria Helena, Diana Farias, Evaldo Farias, Reginaldo Araújo, Bertolino de Jesus, Jailton (Ex Diretor do SAAE), Calingo, Zé da Hora e muitas outras pessoas. A finalidade da reunião era para debater sobre a recepção que farão ao candidato a governador Paulo Souto (DEM), que virá para a lavagem do Amparo.

Interessante! Uma parte é do grupo de Ramiro Campelo e a outra parte do grupo de Cláudio Queiroz, e os dois dizem que vão apoiar Jacques Wagner. Eu quero estar vivo pra ver esses dois com os seus aliados caminhando atrás de Wagner. Parece mesmo uma piada, o próprio Marcelo Borges é quem diz que os Queiroz vão apoiar Wagner.

Coitados dos petistas de Valença, não sabem nem segurar a mamadeira direito e querem beber água no copo. Do jeito que vocês são insistentes, acabam tomando no copo mesmo.

Comentários { 28 }

MARIA HELENA E AS HOMENAGENS

image

Quero fazer uma concorrência com a vereadora Maria Helena, vamos ver quem mais dá parabéns. A senhora essa semana parabenizou a ONG Mais Vida, na pessoa da Srª Giovina Santine e o vice Sr. José Ricardo Queiroz (que por coincidência é seu primo). Também parabenizou o Dr. Carlos Augusto Mello o cirurgião (outra coincidência, médico de gordinhos). E por fim no mesmo dia ainda sobrou os parabéns para o Sr. Dalmo Reis do setor de limpeza pública de Valença (mais uma coincidência, funcionário da prefeitura).

Agora vou mandar os meus parabéns. Quero parabenizar dona Marluce La no Mutá que cria 4 crianças que não são seus filhos, leva-os a escola todos os dias, da-lhes alimento retirado do mangue, porque não trabalha e não tem renda, mas vive dignamente. Parabenizo também ao senhor Antonio do loteamento Estância Azul, que na ultima enchente que teve no bairro ajudou aos moradores a retirar seus pertences evitando um prejuízo maior. Parabéns a dona Lourdes também que todas as noites faz o chamado sopão, e vai aos bairros pobres servir aos menos favorecidos. Quero homenagear Saionara estudante de direito da UNEB que adotou uma cadelinha que vivia abandonada pelas ruas de Valença, levou a um veterinário, deu banho, curou suas feridas, e hoje a cadelinha goza do privilégio de ter uma dona com um coração grande onde armazena amor por mais dois gatinhos. Meu sogro seu Ivam, que fez a alegria de muitos jovens da época dos anos 1950 até os anos 1980, tocando o seu trompete nas festas e bailes da cidade, e ainda me suporta quando tento imitá-lo. Parabéns aos estudantes da FACOM, Lina, Mille, Marcinha, Oliveira, Nana, Leo, Elena, e Luis Carlos que me prestigiam comentando no meu blog, fazendo daqui um espaço para o debate, e me estimulam para que eu possa escrever mais.

Ganhei nas homenagens de hoje vereadora. São tantas pessoas que precisam ser homenageadas e lembradas, tantas, que fazem tanto por nossa cidade, nosso país, que eu levaria o resto da minha vida homenageando-os. Não tenha inveja, se precisar de uns nomes pode me pedir.

Comentários { 13 }

Casal fica gravemente ferido em acidente na BA 542 em Valença

 

Redação CORREIO

Um casal ficou gravemente ferido após o capotamento de um caminhão ocorrido por volta das 10h deste domingo (18), no km 30 da BA 542, no município de Valença, a 255 quilômetros da capital baiana , segundo informações da Polícia Rodoviária Estadual (PRE).

As vítimas, Sueli Santos Freitas, de 28 anos, e o condutor do veículo, Antonio de Oliveira Costa, foram conduzidos para um hospital regional e depois transferidos para o Hospital Geral do Estado em Salvador. A PRE registrou neste domingo apenas três acidentes, sem vítimas fatais.

Comentários { 2 }

A POPULARIDADE DO PRESIDENTE LULA AUMENTA JUNTO COM A CRIMINALIDADE

image

Cada dia que passa, fico mais preocupado com a violência. Ontem teve uma festa aqui na Praça da Bandeira (comemoração dos três anos da Rádio Rio Una), e por volta das 21h30min ouvi um estampido, e logo em seguida uma pessoa passou correndo. Perguntei: foi um tiro? E as duas pessoas que estavam na porta correram pra dentro da sorveteria. Sai para olhar e vi duas pessoas correrem para um lado e uma parta o outro. A pessoa que passou correndo em frente à sorveteria parou logo na esquina e ficou olhando para o lado de onde teria corrido. Alguns minutos depois essa pessoa retornou e falou para a gente: “Vocês viram aqueles dois caras? Queriam pegar em minha mão, como eu neguei de cumprimentá-los abriram fogo contra mim”. Como ele retornava em direção ao mesmo local de onde ele correu, perguntei: e você vai voltar pra lá de novo? E ele respondeu: “Claro, não vou perder minha festa por causa deles dois. Aguardo-os para depois”.

Agora vou perguntar: em que mundo nós estamos? Um cara é ameaçado por uma bala, com certeza por rixa, e nem mesmo isso o tira do seu itinerário (que era a sua diversão). Comigo foi diferente, a bala não foi pra mim, mas logo em seguida fiz questão de fechar a sorveteria. Imaginem! Se essas pessoas não têm medo de bala, do que poderá temer? Um porrete que tenho atrás de uma máquina para me defender?

É a banalização da vida, isso aqui já foi muito bom, hoje é uma terra sem lei.

O que me revolta com tudo isso, é ver a popularidade de um presidente subir. Agora não entendo como, quais as explicações? Será que por causa do aumento da criminalidade? -Ele é bonzinho porque não pega no nosso pé, então vamos dizer que ele é bom também-.

Vai ficar impossível de se viver no Brasil. É verdade que a nossa economia vai bem, à custa de nosso bem estar. Não se investem mais em segurança. Tem cidade na Bahia que só tem o delegado como polícia, outras que só tem um soldado. Aqui em Valença eles dão tiros perto de uma festa onde estão alguns policiais. O que eles não fazem sem polícia?

Aposto que se estiverem lendo meu texto vão dizer assim: Conforme-se com isso, olhe o estado do Rio de Janeiro como está.

Comentários { 11 }

FADO PARA OS 3 PONTINHOS

image                                                      A CANTORA MARIZA

 

A sugestão do fim de semana é da “Turma dos 3 pontinhos”. Ótimo vídeo, eu gosto muito de Mariza.

Comentários { 1 }

Juiz dá “roubadinha” e mata motociclista no CAB

 

image
Uma “roubadinha” cometida pelo juiz Benedito da Conceição dos Anjos em frente à sede do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) causou um acidente fatal na tarde desta sexta, na 5ª Avenida do Centro Administrativo (CAB).  A caminhonete Toyota Hillux dirigida pelo magistrado chocou-se com uma moto Suzuki, conduzida pelo empresário Anderson Jorge dos Santos, 31 anos, que morreu na hora.

Dados da Superintendência de Trânsito e Transporte (Transalvador) mostram que já aconteceram em Salvador 3.849 acidentes envolvendo motos, com 68 mortos, em 2009. Nesta sexta, por exemplo, além do acidente envolvendo o magistrado, houve um outro, este em Itapuã, que também matou o motociclista, que colidiu com um poste.

Boa parte das colisões é causada pelas chamadas “roubadinhas” – manobras irregulares utilizadas para ganhar tempo. Foi o caso do acidente no CAB. Testemunhas afirmam que, por volta das 16 horas, o juiz  Benedito pegou o retorno para entrar no estacionamento do TJ-BA, mas, ao invés de seguir alguns metros e entrar na segunda via, fez uma manobra proibida para entrar na primeira. Neste momento, o seu carro (placa JPE 2618) bateu na moto (JQL 8443), pilotada por Anderson, que guiava em linha reta pela 5ª Avenida. Marcas no asfalto indicam que Anderson tentou frear, sem sucesso. A colisão foi violenta: o capacete rachou ao meio,  o rosto do motociclista ficou  desfigurado.

O juiz passou mal e foi levado para um hospital, cujo nome não foi divulgado. O caso foi registrado como homicídio culposo na 11ª CP (Tancredo Neves), mas o delegado Augusto Henrique Dias informou que o inquérito deve tramitar no TJ-BA já que o juiz tem foro privilegiado. A assessoria da corte afirmou que a instituição não  comentaria o caso já que o “acidente aconteceu em via pública”.

Dívida – A TARDE apurou que o juiz tem débitos de licenciamento do carro e do  Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA). As dívidas somam R$ 1.270, 36. O magistrado é coordenador do Núcleo de Conciliação de Precatórios do TJ-BA e ensina processo civil e direito comercial na Universidade Católica.

A mulher de Anderson, Ramille dos Santos, está muito abalada e não quis falar com a imprensa. Eles eram casados há 12 anos e tinham uma filha de 6 anos. “Vamos constituir um advogado, pois tememos que o corporativismo do Judiciário resulte no arquivamento do inquérito”, disse a colega de trabalho de Ramille,  Rose Mary. Elas trabalham na Ouvidoria Geral do Estado.

O corpo de Anderson foi levado para o Instituto Médico-Legal Nina Rodrigues (IML). Até o fechamento desta edição, ainda não havia previsão para o sepultamento. O carro e a moto foram levados para o pátio da Transalvador.

Morador da Mata Escura, Anderson possuía loja de som para carros no bairro do IAPI. Era membro de um moto clube que tem reuniões às quintas-feiras, no  Rio Vermelho.

Fonte: A Tarde on line

Comentários { 1 }

Menina de 7 anos é detida pela PM após brigar na escola e levada para delegacia

 

Diretoria chamou polícia alegando que criança agrediu professores.
Conselho Tutelar condena ação; menina tem distúrbio de comportamento.

Uma menina de 7 anos foi levada para a delegacia na quarta-feira (14) em Campinas, a 93 km de São Paulo, depois de brigar na escola. Segundo dirigentes do estabelecimento onde ela estuda, a criança teria agredido professoras e policiais. O Estatuto da Criança e do Adolescente proíbe a presença de menores de 12 anos em delegacias.

Tudo teria começado após uma briga entre alunos na sala de aula da escola estadual Doutor Disnei Francisco Scornaienchi. A Ronda Escolar da Polícia Militar foi chamada pela diretoria da escola. Segundo informações do boletim de ocorrência, a menina estava descontrolada e tentou as agressões.
De acordo com a mãe da criança, a filha sofre de um distúrbio de comportamento, toma dois remédios e faz tratamento psiquiátrico na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), mas não seria tratada de forma adequada na escola estadual. “Ela teve um problema com uma colega em sala de aula. Depois, foi levada para a diretoria e se assustou, mas não acertou ninguém”, disse a mãe, que pretende processar o Estado. A menina foi suspensa por seis dias e só retorna às aulas no dia 26. “Eu não pretendo tirar ela da escola. Eu pretendo que a Delegacia de Ensino tome alguma atitude e afaste eles [membros] da escola”, disse a mãe da criança.

Conselho condena medida

O Conselho Tutelar condenou a atitude dos policiais e da diretoria da escola. De acordo com a conselheira Eliana Pereira, que atende a região do Parque Jambeiro, agressão não é ato infracional e pelo Estatuto da Criança e do Adolescente, menores de 12 anos não podem ser levados para uma delegacia.
Por causa do feriado do Dia do Professor, na quinta-feira (15), ninguém da diretoria da escola foi encontrado para falar sobre o assunto. A Secretaria Estadual da Educação, em nota oficial, informou que a orientação de levar a menina para a delegacia foi do Conselho Tutelar, que nega esta informação.
A conselheira Eliana disse que na tarde de quarta todos os conselheiros estavam em treinamento e o telefone do órgão foi atendido pela telefonista, que disse que ninguém estava lá para falar sobre o caso.
O capitão da 1ª Companhia da PM Jaime de Souza, responsável pela ronda escolar no bairro, informou que o boletim de ocorrência poderia ter sido feito na escola e que os policiais podem responder a uma sindicância ou um inquérito policial militar.

Comentários { 1 }