FORA ROSEMBERG PINTO, E LEVA RUI COSTA COM VOCÊ

O governador frio do PT exonera a pedido do deputado, segundo o próprio Rosemberg

Postei outro dia aqui no Blog sobre o que o deputado Rosemberg Pinto fez com uma funcionária da antiga DIREC, onde ele indicou ao governaqdor Rui Costa para tirar uma pessoa que precisava do emprego para colocar uma que não precisa.

O deputado fez tudo em troca de algumas migalhas de votos, porque a pessoa que ele pediu para colocar dentro da DIREC nunca provou ter votos, é uma acumuladora de derrotas na política, nunca ganhou sequer pra vereadora, mesmo quando teve gente dessa pessoa dentro da prefeitura dando empregos aos eleitores para tentar se eleger.

Quem pode falar com muita propriedade sobre o assunto é o ex-prefeito de Valença, Dr. Renato Assis. Portanto, isso que o deputado fez, configura como uma perseguição, falo isso porque sei que dentro do PT existem duas facções, os aliados de Martiniano e um outro grupo que pertenceu ao ex-presidente do PT Marcelo Borges, que hoje é comandado por seu irmão, Marcos Venâncio e que na atualidade apoiam esse deputado.

A verdade é que, a pessoa que foi demitida da DIREC está passando sérias dificuldades por conta dessa demissão, e nós, como filiados do PT repulsamos essa atitude, desse deputado, que influenciou o governador a demitir a funcionária, usando de meios rasteiros para deixar uma mãe de família em situação vulnerável.

O deputado esteve na DIREC, rcentemente, e falou sobre o blog que o acusava de perseguição e disse que não estava se importando com isso e nem com quem ficou de fora, e que, “o negócio dele é voto”. Mais uma vez provando ser desumano.

O deputado diz que quem exonera ou coloca alguém no cargo não é ele, e sim; o governador Rui Costa, um jogando nas costas do outro.

Essa postagem fica para a sociedade refletir sobre quem pouco está se preocupando com o semelhante, e quer a qualquer custo se beneficiar com as benesses que a política oferece. De forma desumana, é claro.

Daremos uma resposta a esse deputado, vamos mostrar a ele o que acontece com quem faz mal às pessoas, vamos provar a ele que sua atitude é nefasta, digna de rejeição do voto popular. Fora Rosemberg Pinto!

Comentários { 0 }

QUE ADIANTA TER LIBERADO EMENDA PRA SALVAR AÉCIO SE O PAÍS ESTÁ QUEBRADO?

Michel Temer liberou R$ 200 milhões em emendas para salvar o mandato de Aécio Neves (PSDB-MG), na sessão de ontem do Senado Federal; a denúncia foi feita pelo jornalista Josias de Souza, colunista do Uol; “unido a Aécio Neves por solidariedade política e penal, Michel Temer mobilizou-se para devolver ao senador tucano o mandato, a liberdade noturna e o passaporte. Para virar votos no plenário do Senado, Temer autorizou seus operadores políticos a acenar com a liberação de R$ 200 milhões em emendas orçamentárias”, diz ele; agora, Temer tenta fechar a compra da bancada ruralista liberando a volta do trabalho escravo nas fazendas, com o fim da fiscalização.

Que adianta liberar emendas para esses bandidos, o nome deles já está gravado na memória do povo, vamos para as eleições de 2018. O que precisamos mostrar ao povo é que, essas emendas não nos assusta porque, além do mais o país está quebrado, isso é só engodo.

Comentários { 0 }

Biometria: mais de 2,4 milhões de eleitores baianos podem perder seus títulos

Dos 4,3 milhões de eleitores pertencentes aos 51 municípios em fase obrigatória do procedimento, apenas 1,8 milhão compareceram aos postos e cartórios da Justiça Eleitoral

Mais de 2,4 milhões de eleitores da Bahia poderão perder seus títulos. O dado, divulgado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na última quarta-feira (11/10), refere-se aos eleitores dos 51 municípios baianos em fase obrigatória de recadastramento biométrico que ainda não realizaram o procedimento. O número preocupa o Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) que alerta para os prejuízos que poderão atingir o cidadão que tiver o seu título de eleitor cancelado. Dentre eles, dificuldade para obter e/ou manter benefícios do Governo Federal.

Somados, os 51 municípios possuem 4.326.884 eleitores, porém apenas 1.880.273 (43,46%) estão recadastrados biometricamente. Com isso, 2.446.611 cidadãos ainda precisam informar seus dados biométricos à Justiça Eleitoral. O TRE baiano lembra também quanto à proximidade do fim do prazo: 31 de janeiro de 2018, na maioria das cidades listadas. Já em Ubatã, Ibirapitanga e Coronel João Sá o procedimento deverá ser encerrado no próximo dia 31 de outubro.

Ranking

Conforme dados divulgados pelo TSE, dos 51 municípios baianos em fase obrigatória de recadastramento biométrico, Manoel Vitorino é o que apresenta melhor percentual de eleitores biometrizados, 76,43%. Na tabela, Salvador ocupa a 42ª posição, com apenas 37,07% (728.932) dos seus 1.966.336 de eleitores recadastrados. A cidade que apresenta menor percentual de eleitores biometrizados é Antônio Cardoso, com apenas 25,68%.

Confira lista completa

Obrigatoriedade

Estão obrigados a fazer o recadastramento biométrico todos os eleitores, inclusive aqueles cujo voto é facultativo (analfabetos, eleitores com idade entre 16 e 18 anos e os maiores de 70 anos de idade). Para os eleitores facultativos, no entanto, o cancelamento do título não deverá gerar outras implicações uma vez que, deles, não poderá ser exigida a quitação eleitoral.

Veja os documentos necessários para a realização do recadastramento biométrico

Comentários { 1 }

CASA DO EMPRESÁRIO DEBATE IMPLANTAÇÃO DO CURSO DE MEDICINA EM VALENÇA

Comentários { 0 }

IMBASSAHY, VULGO: BOCA MOLE, JÁ COMEÇA A DEFINHAR NA POLÍTICA BAIANA. ESTE É O PREÇO DO GOLPE

Dois perversos, que compactuam contra o povo trabalhador… Um boca mole, e o outro vampiro

Apesar de todas as tentativas de derrubada do ministro articulação política do presidente Michel Temer (PMDB) por parte de deputados do “centrão” terem sido infrutíferas, é na política baiana que Antonio Imbassahy (PSDB) enfrenta grandes dificuldades; ele é considerado sem importância na composição para o governo e para o Senado; além disso, circula nos bastidores que ACM Neto ainda não superou as decisões e declarações de Imbassahy na disputa pela Prefeitura da capital em 2008, quando os dois ficaram fora do segundo turno. (Com informações do 247)

Atenção povo de Valença, esse candidato está acostumado a vir aqui de quatro em quatro anos e levar nossos votos, depois se presta ao serviço de votar contra o trabalhador, a favor de golpe que derrubou uma mulher honesta que ajudava ao povo po0bre e a favor de Michel Temer para continuar no poder. Vamos ficar de olhos bem abertos para seus cabos eleitorais aqui na cidade e região, que são todos iguais a ele.

Comentários { 1 }

BIG CARD ESQUENTA COMÉRCIO DE VALENÇA

Meus amigos, estive caminhando pelo comércio essa semana e pude observar que o convênio firmado entre a Prefeitura de Valença e a BigCard já gera ótimos resultados!

Em conversa com a Sra. Síria, responsável pelos trabalhos da BigCard na cidade, a mesma informou que as empresas valencianas que tiverem interesse em se cadastrar para também receberem o cartão, podem manter contato com ela através do número (73) 98805-3499, e agendar uma visita.

Por fim, ressaltando os resultados positivos do convênio, a Sra Síria destacou a ótima receptividade tanto dos lojistas, quanto dos servidores municipais, oportunidade em que informou que centenas de servidores já retiraram seus cartões e que eventuais dúvidas podem ser esclarecidas diretamente com ela, através do site www.bigcard.com.br ou dos números (73) 99931-3469, (33) 2101-1000 ou 0800 0244227.

Inúmeras são as lojas nas quais os servidores já podem fazer compras e pagar com o cartão convênio BigCard, como exemplo:

Panificadora São Félix
Conveniência Marina Dengosa
Churrascaria Tradição
Farmácia Taperoá (Calçadão)
Farmácia Taperoá (Rua Gov. Gonçalves)
Farmácia Taperoá (Rua Barão do Jequiriçá)
Delicatessen Dôce Pão
Supermercado Mundial
Ponto dos Frios
Sapataria São José
Una Passos Calçados
Reprava Gás
Bazar da Ana Carolina
Bazar Ana Clara
Many Biju
Mary Biju
Ocular
Informática & Cia
Estação Festa
Raythed Presentes
Magazine Elmuniz
Material Militar
Comentários { 0 }

Oposição vai requerer CPI para investigar travessia Mar-Grande – Salvador e sistema ferry-boat

Após dois acidentes ocorridos em menos de um mês na travessia Mar-Grande-Salvador – um com 19 vítimas -, os deputados da bancada de oposição na Assembleia Legislativa decidiram por requerer a instalação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), de forma a buscar respostas e soluções das autoridades envolvidas com brevidade. De acordo com o deputado estadual, Hildécio Meireles (PMDB), a decisão se deu após se chegar ao consenso que, ‘infelizmente’, o Grupo de Trabalho instalado neste sentido na comissão de Desenvolvimento Econômico e Turismo, a qual Meireles preside, não daria o resultado que a sociedade conclama e que os usuários não podem pagar esse preço. O sistema ferry-boat também será alvo do colegiado, conforme destacou o parla mentar.

“Afinal, mesmo após termos uma tragédia com 19 mortos tudo continuou inalterado e, por pouco, dias depois um novo acidente não aconteceu com o princípio de incêndio na  embarcação Costa do Sol 2,  o que somente reforça a necessidade de investimentos no setor  e de um olhar mais atento por parte das autoridades baianas para o setor. Por isso, vamos recolher assinaturas, de forma a tirar a CPI o quanto antes do papel”, frisou, complementando que ficou comprovado que falta preparo por parte dos tripulantes, bem como estrutura.

Comentários { 0 }

Negativação indevida e suas consequências

A quantidade de ações propostas por pessoas que têm o nome negativado junto aos órgãos de proteção ao crédito de forma indevida cresce a cada dia, o que demonstra a importância da abordagem desse tema.

Cabe observar que a inserção do nome do consumidor nos bancos de dados dos órgãos de proteção ao crédito (SCPC/SPC/SERASA), acarreta graves consequências não somente em seu crédito, mas em sua vida profissional, social, sem falar no abalo psicológico sofrido. Assim, estamos falando de pessoas que irão enfrentar situações complicadíssimas em seu cotidiano, e percorrerão um árduo caminho, até que sua situação cadastral seja regularizada por completo, sabendo-se que a extensão dos danos morais e materiais ocasionados, em muitos casos, será irreparável.

A nossa Constituição Federal assegura que os danos causados pela inclusão indevida no banco de dados dos serviços de proteção ao crédito sejam passíveis de reparação. No mesmo sentido, o Código de Defesa do Consumidor reafirma o direito da pessoa que é prejudicada, dispondo em seu artigo 6º, inciso VI, o seguinte:

“Art. 6º São direitos básicos do consumidor:

VI – a efetiva prevenção e reparação de danos patrimoniais e morais, individuais, coletivos e difusos;”

Os institutos acima conferem a possibilidade, ao consumidor agravado, de não somente ter seu nome excluído do banco de dados dos órgãos de proteção ao crédito, mas também obter a tutela jurisdicional reparatória dos danos morais e materiais ocasionados por essa inscrição indevida.

Dessa forma, é importantíssimo que as empresas utilizem os órgãos de proteção ao crédito com o máximo critério, para que o consumidor não sofra as penas de ter seu nome incluso em cadastro de inadimplentes, sem que tenha dado causa para isto.

Dra. Bárbara Souza Bravo

Advogada

barbara.bravo_amh@outlook.com

Comentários { 0 }