About pelegrini

Author Archive | pelegrini

RESPONDENDO AO ANÔNIMO

Este espaço já está dando o que falar, um leitor anônimo disse: “ainda bem que eles gostam de você, essa turma é ‘baigon: não perdoa, mata'”.

Eu acho que o bom deve ser assim, afinal vamos ficar aqui escrevendo besteiras e achar que alguém deve nos elogiar? Nada disso, publico todos os comentários, a turma da Facom tem a opinião deles, são novos jornalistas, sangue novo, opiniões modernas, e de quebra, bem humoradas.

Tomara que eles nunca me esqueçam, mesmo que seja pra meter o pau (no bom sentido é claro), gosto de polêmicas. Quando falo de Ramiro, é porque conheço a fera e nele eu meto o pau de todo jeito (no bom e no mal sentido). Se tiver alguém ai que discorde, pode falar, o espaço aqui é democrático.

Prometo que falo de sorvete na próxima.

Até mais.

Comentários { 12 }

ALUNOS DA FACOM COMENTAM AQUI

Hoje quero fazer uma homenagem aos meus novos comentaristas; Luis Carlos, Carolina, Leonardo, Ana Maria, Oliveira, Camile, Elena e Irismário. Vejam só voces, eles são estudantes de comunicação, imaginem a minha responsabilidade? Mas eles vão ter que entender, nunca fui a uma faculdade (muito menos de comunicação). Então quero pedir desculpas aqui aos ilustres estudantes da “Facom” por muitas pérolas que eles irão ver. Isto se eles resistirem.

Quero agradecer aos comentários, nunca me senti tão privilegiado com as coisas que eu já escrevi. Antes os meus comentaristas eram; Dani, Mariana, Tâmara, Diego, Gustavo, Bruno e mas alguns que não me lembro no momento, me desculpem a memória. E também quero abranger a homenagem aos demais.

Valeu pessoal, um grande abraço a todos. Quando virem a Valença venham nos conhecer, continuem comentando, um dia faço uma postagem perfeita (risos).

Até a próxima

Comentários { 21 }

NO NIVER DO "TIO" TINHA PICOLÉ PELEGRINI

Pessoal, voces sabem que dia foi ontem? 19 de outubro? Por favor, não vou perdoa-los por isto. Ontem foi o aniversário do Tio Ramiro! Não sei qual idade ele completou, só sei que não é mais nenhum garotinho pra estar fazendo besteira.

Agora uma outra pergunta. Quem foi convidado, pra ir até a ilha de Boi-Peba comemorar o aniversário do “Tio”? Eu soube que lá estavam figuras ilustres, (não vou citar nomes) mas que até de helicóptero chegaram.

E “Zé Povinho” meu Deus!? Esqueceram deles?

Sim esqueceram, afinal as considerações do “Tio” foi só na epóca das eleições, todo mundo dizia: o “Tio” não teve nem coragem de contratar um trio elétrico pra tocar no dia do seu niver. Falta de respeito, de consideração, de amor ao próximo, afinal ele chamou meia dúzia de pessoas, que não deixam de ser iguais aos outros.

To falando isto, porque o povo na rua está comentando, eu não tenho nada a ver com as coisas dos outros, o meu peixe eu consegui vender pro “Tio”. Vendi um carrinho cheio de picolé. Que por sinal, disseram que foi a melhor iguaria da festa. Também, lá só tinha: coca-cola, cerveja. churrasco e política.

Esqueçam! Na posse de Ricardo Moura a gente comemora.

Um abraço.

Comentários { 8 }

PROFESSOR CARLOS CACETA TIO RAMIRO

Pessoal, ontem por volta de 13:00 horas, o Sr. Ramiro Queiroz estava em uma emissora de rádio dando entrevista, não sei muito o que ele falou, mas peguei a melhor parte da entrevista, em que um ouvinte (o professor Carlos da urbis), peguntava se ele iria respeitar a determinação do governo em relação ao piso salarial dos professores ou iria congelar, como fez no passado (quando era prefeito e foi cassado). O sr. Ramiro Queiroz, ficou sem palavras, desrespeitou o professor chamando-o de mentiroso, usou de toda sua arrogância, prepotência e abuso de poder. Ao final de sua triste resposta que não deu, virou e disse; -pronto está respondido, em seguida o repórter da emissora (também usando de má fé com o professor) agradeceu a participação do ouvinte e não o deixou usar da réplica.
Pra completar o repórter agradeceu a participação do sr. Ramiro, dai ele pediu a palavra e disse;- agora o meu gritinho de guerra, uhuuuuuuu, e que venha o povo!
Professor Carlos quero conforta-lo e chamar de meu Herói, afinal, o senhor foi o unico que teve coragem de dar a primeira cacetada no SENHOR GRACINHA, não se preocupe que a porrada final será dada por Ricardo Moura. E essa será pra sentar.

Viva o professor Carlos!!!!

Comentários { 50 }

CLÁUDIO SALVOU O TIO

Minha gente, vejam só, o povo agora quer cobrar de Claudio Queiroz uma postura de homem de esquerda, como vamos fazer isso, só não enxergou quem não quis. Quando ele se candidatou a prefeito que foi derrotado por Dr. Renato Assis, todo mundo viu quem o apoiou; O Senador Antonio Carlos Magalhães, O governador Paulo Souto e mais outros “carlistas”.
Agora fica o povo se lamentando, achando que Cláudio salvou Ramiro Campello, porque é tio, porque recebeu propina, e inventam mil outras coisas.
Cláudio salvou Ramiro, porque Cláudio é “carlista”, porque tem princípios políticos, é como já dizia o ex-vereador André Coutinho para o então prefeito da época Dr. Agenildo Ramalho Gonçalves (quando se desentendiam, porque o prefeito achava que tinha mais moral com ACM que o senhor André): -Sou “carlista de “papo-amarelo”.
Então está ai porque Claudio salvou o tio. Porque eles são unidos, e quando podem, se aproveitam de meia dúzia de “ingênuos”( pra não dizer abobalhados), assim como o nosso governador, que não veio a Valença apoiar a candidatura a prefeito de Dr. Osvaldo ou até mesmo a de Ricardo Moura que são aliados políticos, só porque Cláudio é do partido de base do governo.
Então tome ai! Ganhou o esperto Ramiro Campello de queiroz, que é carlista de “papo-amarelo”, e não vai vacilar com essa oposição barata de Valença, que no passado tambem demonstrou ser abobalhada. Lembrem quando Dr. Renato Assis assumiu o mandato tampão, e não fez o que deveria; que era demitir os aliados de Ramiro (prefeito cassado da época), até mesmo porque os homens que o Dr. Renato ouvia eram pessoas aliadas ao sr. Ramiro, que sabiam que Dr. Renato assumiria a prefeitura, e na esperança de continuar, correram pra ele, e deu certo, porque Dr. Renato achava que iria contar com aqueles falsos na sua reeleição. De quebra ganhou foi seu mandato cassado.
Foi pouco para Dr. Renato, ele viu o que aconteceu com o seu secretário de educação, que sabendo que ele seria cassado, entregou o cargo ( do qual usou para admitir 400 funcionários)
e foi meter o pau em Dr. Renato na sua emissora de rádio, foi agraciado com o mesmo cargo de secretário de educação no governo do que pediu a cassação. Bando de oportunistas! É isso que acontece, dar as mãos a quem não deve.
Se tivessemos enfraquecido eles talvez tivessemos melhores, agora só nos resta esperar mais quatro anos pra ver se a burrice continua.
Se tiver alguém de aposta por ai, venha que eu aposto, que Claudio Queiroz não vai fazer campanha pra o governador Jaques Wagner. Ele vai estar é nos palanques de Paulo Souto, ou outro carlista qualquer, junto com o tio.
Agora vamos ver a queda do governador Jaques Wagner, assim como foi a de Dr. Renato Assis, talvez eles se compreendam e nos ouçam.
Eu sou anti-carlista de saco roxo.
Falarei sobre sorvetes na próxima postagem, prometo.

Até a próxima

Comentários { 35 }

RAMIRO PREFEITO, POBRE VALENÇA…

Bem minha gente, passou-se mais um periodo de eleição aqui em Valença, e infelizmente mais de 50% dos eleitores estão tristes. Isto porque, cidades como a nossa que tem menos de 200.001 eleitores não tem segundo turno, o que significaria nova luta, novas esperanças para os derrotados, o que passaria no máximo para uma tristeza dividida, isto quando não chega só a uma minoria, porque os candidatos derrotados passam a apoiar os dois finalistas, e os eleitores renovam o gás, passando a apoiar outro concorrente.
Mas, temos que acatar essas decisões, afinal, é o que diz a nossa constituição.
Sei muito bem que a política em Valença é muito esquentada, vivo aqui há 27 anos e conheço bem. Meu primeiro voto aqui foi em 1981. Do periodo que estou aqui, conheci 5 homens que foram prefeito, 2 deles eleitos por duas vezes, 2 foram cassados, e 1 governou sem ser eleito. Desde quando o Sr. Ramiro Campelo começou a disputar as eleições (falo do período de 1982 até os dias de hoje, porque do passado politico dele; contem os mais velhos) que sinto uma mudança no clima político, as pessoas ficaram mais agressivas, tenho certeza que não é um ensinamento do mesmo, até porque, como ja disse em uma postagem anterior; conheço o cidadão Ramiro e sei que ele não é capaz de desmerecer uma pessoal.
Agora o que as pessoas deveriam entender é que; o dinheiro do Sr. Ramiro pertence a ele, nós nuunca vamos fazer parte desse universo, até porque, além dos filhos com Dona Solange, ainda existem os bastardos que não vão perdoar a sua parte. Ainda alerto a essas pessoas, que o Sr. Ramiro é considerado um guloso, pois nunca comprava com comerciantes de Valença, assim como denunciava o vereador Dr. Genésio Assis; que o Sr. Ramiro criava “laranjas” para abrir empresas fantasmas em benefício próprio.
Então minha gente, vamos devagar, quem não conhece o Sr. Ramiro, vai ter o (des) prazer de conhece-lo agora, e quem ja conhece ( os masoquistas ou ex-sofredores) terão oportunidade de conhecer mais um pouco.
Quero afirmar que terei o maior prazer em pedir desculpas daqui a quatro anos, caso seja diferente.
Por enquanto vou ficar aqui sapateando.

Por favor, botem uma musica boa!

Comentários { 16 }

SORVETE DE MARACUJÁ NELAS!

Quero lamentar o que vi e ouvi ontem no Banco do Brasil, duas estrangeiras serem mal tratadas por funcionarios do próprio banco. Não sei do que se tratava, mas tenho certeza, por mais que elas estivessem erradas não era para serem tratadas daquele jeito. Lembro que quando cheguei uma estava recebendo uma bronca de uma gerente, a moça se recolheu voltou pra fila e ficou quieta, a outra recebeu tambem uns dois gritos de uma atendente, e eu ouvi muito bem quando ela bradava para a estrangeira: -Pare! Pare! Então o que a senhora está fazendo aqui em nosso país? De quebra, passou pela estrangeira e ainda chamou-a de mal educada.
Como eu ja disse, lamentavél a falta de preparo das nossas pessoas, tenho que fazer uma observação; sempre fui contra o ato de arrogância e prepotência em qualquer repartição pública ou privada deste nosso país, estou farto de ouvir as carteiradas e ter que me calar, o nosso povo é muito mal educado (claro que toda regra tem exceção), mas os funcionários do Banco do Brasil (que tambem tem exceção) são muito arrogantes, falo isso porque também ja fui bancário, e sempre ouvi queixas de clientes em relação aos mesmos. Vejo que o país mudou muitas coisas, mas os funcionários do Banco do Brasil, continuam os mesmos. Precisa-se mudar esta política, o mundo já não comporta mais pessoas assim, só o Brasil é que tem que ser assim? A mim não importa que tenha país pior que o Brasil, nós temos que ser melhor que todos, e os mais privilégiados é que nos dão maus exemplos.
Quero pedir desculpas a essas pessoas, que no dia a dia são pisoteadas por pessoas despreparadas, não só de funcionários do Banco do Brasil, mas de toda e qualquer repartição pública ou privada.
Já que o nosso ramo é sorveteria, gostaria de fazer uma sugestão às duas funcionárias do Banco do Brasil; venham tomar um sorvetinho de maracujá antes do expediente.
Não devo nada ao Banco do Brasil.

Que alívio!!!!

Comentários { 1 }

PÉROLAS DO SENHOR RAMIRO?

Pessoal, em época de eleições, acontecem coisas incríveis, vejam voces que, onde tem um candidato tem sempre uma historinha, eles não saem sem deixar algo a comentar. E aqui em Valença nós temos um candidato que por onde ele passa deixa sempre a marca registrada dele, que é uma piadinha, um ataque aos adversarios, mas sempre recheado de muito humor.
O empresário Ramiro Campelo de Queiroz, um homem bem sucedido nos negócios que administra, considerado o homem mais rico de Valença, há quem o chame de “casas bahia da bahia”, pelo grande crescimento de uma empresa sua no ramo de eletrodomésticos.
O sr. Ramiro Queiroz é candidato a prefeito em Valença, pela quarta vez, teve duas derrotas, uma vitória (da qual foi cassado por crime eleitoral), e agora tenta mais uma vez. As campanhas de “Tio Ramiro” (Ramiro Campelo), são sempre recheadas de cometários e bom humor; contam que um dia uma eleitora pediu-lhe um colchão, e ele disse que o daria, com uma condição; se ele fosse o primeiro a dormir no colchão com ela. Contam também que uma outra tentou pedir-lhe um saco de cimento, mas no meio do tumulto ele só ouviu ela dizer que queria um saco, ao que ele respondeu-lhe; -como posso te dar o saco se ja tem um bocado de gente agarrado nele. Uma outra passagem foi quando ele distribuia picolés pra alguns eleitores, e eis que chegou um atrasado ( quando havia acabado os picolés ), e o mesmo falou: -cheguei tarde não foi? E o Tio Ramiro respondeu: -calma, nem tudo está perdido! E o moço retrucou; -Eu heim… É lá!
Estas histórias do Tio Ramiro eu conto, porque sei que se isto saiu dele, foi de forma espontânea, conheço o cidadão Ramiro e sei que ele não faz nada pra desmerecer um cidadão, Ramiro é um homem popular fala com todos, do mais rico ao mais pobre.
Agora a mais recente do Tio Ramiro não é em forma de piada, e sim de coisa séria, aconteceu em uma das caminhadas dele na Praça de Fátima, no bairro do Lava-pés. Vejam o que ele disse:
*-Eu tambem estou assumindo o compromisso de concluir a última rua que eu não fiz, a Rua do Arrego aqui atrás. Só faltou ela porque me tiraram antes do tempo (quando foi cassado em fevereiro de 2004). Mas eu vou voltar pelos braços do povo. Eu não quis pagar à justiça para voltar, não! Eu recusei a oferta que me fizeram para comprar o tribunal!
Pra não acabar a nossa postagem com esse clima de coisa séria, vou contar uma do Tio Ramiro, essa aconteceu na nossa sorveteria. Como eu tinha dito, Ramiro é um homem popular (ainda mais em época de eleições), e não perdeu a oportunidade de entrar em nossa sorveteria pra fazer a campanha dele, estavamos eu e o Vereador Zé da Hora, Ramiro entrou falou com todos, e dirigiu-se a uma frasqueira de chocolates, pegou o chocolate, abriu, comeu, e depois disse-me:-E agora? Só vou poder lhe pagar depois das eleições, porque se eu meter a mão no bolso, sai maquínas fotográficas de tudo quanto é canto, pra me flagrar!
Propaganda de Ramiro? Não, eu nem voto com ele!

Até a próxima.

*Transcrito do Jornal A Tarde, da coluna Tempo Presente, do dia 21.08.2008.

Comentários { 14 }